Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

São Paulo cria Bolsa do Povo: auxílio de R$ 500 mensais para famílias em vulnerabilidade

Por Thais SouzaPublicado em

O governador do estado de São Paulo, João Dória, anunciou no início de abril a criação de um novo programa social, o "Bolsa do Povo", auxílio que amplia programas sociais e busca pagar até R$ 500 mensais para as famílias em vulnerabilidade social. Quer saber mais? Então continue a leitura. 

Governo de São Paulo anuncia criação do Bolsa do Povo 

No dia 7 de abril, em coletiva de imprensa, o governador do estado de São Paulo anunciou o novo programa Bolsa do Povo, criado com o objetivo de amenizar os efeitos econômicos da pandemia do Covid-19 para a população que se encontra em estado de vulnerabilidade social.

De acordo com o governo, o programa Bolsa do Povo vai unificar todos os outros programas sociais existentes em São Paulo em um cadastro único. Assim, será possível aumentar a abrangência de pessoas beneficiárias e também os valores pagos.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

O programa vai pagar benefícios de R$ 100 até R$ 500 mensais e poderá beneficiar até 500 mil pessoas direta e indiretamente nos 645 municípios do estado.

O investimento no Bolsa do Povo previsto pelo estado é de R$ 1 bilhão, apenas no ano de 2021. Trata-se do maior programa social já anunciado pelo governo de São Paulo. 

"O Bolsa do Povo é o maior programa social da história de São Paulo. Ao lado do enfrentamento da pandemia, da preservação da vida, da obediência à ciência, estamos também acompanhando o crescimento acelerado da pobreza, da vulnerabilidade, em São Paulo e no Brasil", destacou Doria, em coletiva de imprensa.

Benefícios que serão unificados 

Como dito anteriormente, o Bolsa do Povo vai unificar os programas sociais já existentes em São Paulo, são eles: 

  • Emprego: Bolsa trabalho;
  • Assistência social: Bolsa renda cidadã;
  • Habitação: Bolsa aluguel social;
  • Incentivo: Bolsa talento esportivo;
  • Qualificação profissional: Bolsa auxílio via rápida;
  • Educação: Ação jovem.

Além da unificação dos programas sociais, o Bolsa do Povo também prevê a contratação de 20 mil pais e mães de alunos das escolas públicas para trabalhar em jornadas de até quatro horas diárias. 

Esses pais receberão uma capacitação para exercerem as atividades, além da remuneração de R$ 500 mensais dentro do sistema de ensino estadual. O objetivo é criar oportunidade de trabalho e renda com envolvimento da comunidade na manutenção e administração das escolas.

Outro objetivo do programa é ampliar os valores de R$ 80 para R$ 100 para os benefícios: Ação jovem, voltado para estudantes de 15 a 24 anos para que permaneçam nos estudos, e o Renda cidadã, que atende pessoas de baixa renda.

Quando o Bolsa do Povo será lançado? 

O projeto de lei que institui o programa foi enviado no dia 7 de abril para a Assembleia Legislativa em caráter de urgência. Ele deverá ser analisado e deliberado em cerca de 45 dias. O governo do estado já trabalha com a possibilidade de pleno funcionamento em junho.

Leia também

No blog da Foregon você encontra conteúdos como este para manter-se bem informado sobre seus direitos. Aproveite e leia também: 

Este conteúdo faz parte da nossa missão de descomplicar assuntos sobre o universo financeiro para nossos usuários. Acompanhe também através do nosso canal do YouTube e também nas redes sociais, Facebook e Instagram.

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Thais Souza

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos relacionados a investimentos e empréstimos e acredita que esse tipo de conhecimento pode mudar a vida das pessoas. Busca impactar a vida dos usuários que buscam resolver um problema ou conhecer melhor um produto ou serviço financeiro.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Pix: sistema vai devolver dinheiro em caso de falhas; entenda

PIS/Pasep 2020-2021: mais de 700 mil brasileiros ainda não sacaram o abono salarial

Novidade no ramo da telefonia: Pernambucanas lança operadora própria

CNH Social: 3 mil vagas são abertas no estado de Goiás

Promoção para o Dia dos Namorados é promovida pelo C6 Bank e o Bradesco

1,2 mil vagas de emprego e estágio foram abertas; veja lista

Dia dos Namorados promete movimentação financeira 51% maior no MS

Banco Votorantim lança programa “lugar de mãe é na BV”