Foregon.comConteúdos
    1. Educação financeira

    Score baixo: guia completo

    Por Luma HolandaPublicado em
    Compartilhe

    O score de crédito é uma pontuação calculada a partir dos seus hábitos como consumidor, ou seja, o seu CPF recebe uma pontuação de acordo com as suas atividades financeiras.

    Neste histórico contém informações sobre a sua pontualidade em pagar contas, se já teve ou ainda tem dívidas negativadas, seu relacionamento financeiro com bancos, pois, desta forma, as empresas e instituições conseguem medir quão confiável você é como consumidor.

    O score é uma pontuação entre 0 e 1000 que indica as chances do consumidor pagar ou não as suas contas. Se o seu score de crédito é baixo, provavelmente terá dificuldade em conseguir abertura de conta, concessão de crédito, empréstimo, financiamentos em instituições financeiras e, até mesmo, crédito em lojas. 

    Sendo assim, se você está neste grupo de pessoas, é visto como um consumidor com alto risco de inadimplência, ou seja, possui grandes chances de não pagar as suas dívidas. 

    O que significa ter um score de crédito baixo?

    Um score de crédito considerado baixo é aquele que varia entre 0 e 399. Com essa pontuação, o usuário terá algumas limitações, portanto, é ideal que tente aumentar este número. 

    Uma boa forma de entender o score e como ele funciona, é pensar que ele é um meio das instituições financeiras conhecerem o seu histórico e, consequentemente, descobrir o seu perfil e reputação como consumidor. 

    Portanto, se o seu score é baixo, a confiança em te conceder crédito também será, fazendo com que as chances de você ser reprovado na solicitação de algum produto ou serviço financeiro sejam maiores.

    Vale ressaltar que o score baixo não será prejudicial somente em solicitações de empréstimo ou cartões de crédito com um limite alto. Mesmo um cartão com pouco limite pode ser recusado caso a operadora entenda que há um alto risco de inadimplência, prejudicando a sua saúde financeira. 

    Por que o seu score de crédito é baixo?

    Vários fatores interferem na pontuação do seu score de crédito mas, de forma geral, os dados são extraídos de acordo com o jeito que você lida com as suas finanças e, sendo assim, esse é o fator que causa a queda ou aumento dos seus pontos.

    Para te auxiliar a descobrir quais atitudes podem estar influenciando na sua pontuação, iremos listar as razões mais comuns que dificultam que o seu score de crédito aumente e, consequentemente, diminuem as suas chances de conseguir crédito no mercado. Confira:

    Você está inadimplente

    Esse é um fator decisivo para o seu score, já que a sua pontuação diminuirá drasticamente. Se você estiver com o seu CPF negativado, não tem jeito, dificilmente conseguirá fazer com que a sua pontuação suba até regularizar a dívida. 

    Muitas solicitações de crédito

    Os pedidos de crédito ao mercado influenciam diretamente no seu score de crédito. Ou seja, a partir do momento que você fizer um pedido de crédito, seu score poderá estar em risco. 

    No entanto, felizmente, essas informações influenciam pelo menos ao longo de três meses. Depois que acaba este período, seu score volta a subir. É importante, sobretudo, pedir o crédito quanto estiver com um bom score e não ficar pedindo a todo instante para as instituições financeiras.

    Não tem movimentação bancária 

    Se você não movimenta a sua conta, não terá dados suficientes para construir um histórico e, consequentemente, não conseguirá um score alto. 

    Por isso, o recomendável é que você possua compras no seu nome e quite suas contas em dia. Com contas no seu CPF, os órgãos conseguem visualizar o seu perfil de pagamentos.

    Não fazer compras a prazo

    Por incrível que pareça, comprar à vista não favorece a pontuação do seu score. Comprar a prazo é, de forma geral, uma boa forma do mercado conhecer mais comportamento financeiro dos consumidores.

    Seus dados estão desatualizados

    Estar com os seus dados pessoais desatualizados não geram muita confiabilidade no seu cadastro. Sendo assim, procure manter informações como o seu nome, endereço e telefone sempre atualizadas. 

    O seu cadastro será visto como mais confiável se os seus dados estiverem corretos e exatos. 

    Atraso no pagamento de contas

    Seja por falta de planejamento financeiro ou até mesmo por esquecimento, algumas vezes deixamos o pagamento de uma conta ou outra para trás. Não efetuar o pagamento de algum boleto pode resultar em uma negativação.

    Sendo assim, é importante que você se planeje e organize para que isso não aconteça. Se possível, inclua todas as suas contas fixas no débito automático, como água, luz, telefone, dentre outras.

    Como aumentar um score de crédito baixo?

    Algumas atitudes podem ser tomadas para que você consiga reverter este quadro e, ter ciência da importância de melhorar o seu score, é o ponto inicial. Alguns itens devem ser levados em consideração caso você queira mudar este cenário. São eles:

    • Deixe o seu CPF regular;
    • Não peça várias concessões de crédito num curto espaço de tempo;
    • Pague as suas contas sempre em dia;
    • Movimente a sua conta;
    • Mantenha o seu cadastro sempre atualizado nos birôs de crédito.

    Vale ressaltar que o seu score de crédito não irá mudar de uma hora para outra. Portanto, não basta somente adotar as dicas, mas sim, torná-las frequente na sua vida para que os birôs interpretem que o seu comportamento como consumidor mudou. 

    Cadastro Positivo

    Você já ouviu falar do Cadastro Positivo? Se você pretende aumentar o seu score de crédito, o Cadastro Positivo pode ser um ótimo amigo nesta jornada. Ele é um histórico que reúne os seus dados de adimplência, ou seja, com ele, os birôs têm acesso não só as dívidas que você possui, mas também aos seus dados de pagamentos já realizados. 

    Neste histórico conterá informações sobre o pagamento de contas fixas como água, luz, telefone, internet, dentre outros. Além disso, dados sobre empréstimos e financiamento realizados também entram no Cadastro Positivo.

    O lado positivo deste cadastro é que ele mostra o seu comportamento como consumidor a longo prazo, não deixando que a única informação sobre você seja uma dívida que, por muitas vezes, é única e pontual. 

    Desta forma, as chances de você conseguir uma concessão de crédito aumentam com o Cadastro Positivo. Você também pode ter mais facilidade e menos burocracia, além de conseguir financiamentos e empréstimo com uma menor taxa de juros. 

     Mitos e verdades sobre score de crédito

    Com a internet e a facilidade na disseminação de informações, se tornou comum lermos coisas que não são verdadeiras. Pensando nisso, reunimos alguns mitos e verdades sobre score de crédito, para que você saiba exatamente o que deve ou não ser feito. 

    O meu score diminui se eu fizer muitas consultas?

    Mito. Você pode consultar o seu CPF livremente. 

    Colocar CPF na nota fiscal aumenta o meu score de crédito?

    Outro mito muito disseminado. Inserir CPF na nota não interfere no seu score.

    Consigo alguma concessão de crédito com score baixo?

    Verdade. Algumas instituições levam outros requisitos em consideração, portanto, é possível que você consiga. Improvável, mas pode acontecer. 

    O score sobe logo após o pagamento da dívida?

    Mito. Não é possível atualizar a sua pontuação instantaneamente. Se você pagar as suas dívidas e limpar o seu nome, o seu score irá aumentar, mas levará um tempo.

    A consulta de score de crédito é gratuita?

    Verdade. Qualquer pessoa pode consultar o seu score gratuitamente, desde que possua CPF.

    O meu score aumenta se eu tiver uma renda alta?

    Isso é mito. O score é baseado em bons hábitos como consumidor. Portanto, se você tiver uma renda alta, mas não pagar em dia as suas contas, o seu score sofrerá as consequências assim como qualquer outro. 

    Nome limpo é sinônimo de score alto?

    Mito. O seu score de crédito é formado a partir de inúmeras ações financeiras, portanto, se você já esteve inadimplente, por exemplo, este ponto pode pesar no seu histórico, mesmo que hoje você esteja com o nome limpo.

    Pagar à vista ou no débito aumenta o score?

    Outro mito. O que é levado em consideração é a sua responsabilidade em pagar as suas contas dentro do prazo, com o intuito de medir a forma que você lida com o crédito. 

    O meu nome só pode ficar sujo por 5 anos? 

    Verdade. As suas dívidas, após o prazo de prescrição, desaparecem do seu cadastro, entretanto, elas não deixam de existir e podem continuar influenciando possíveis concessões de crédito.

    Considerações finais

    Agora que você já conhece as consequências que um score baixo pode trazer para a sua saúde financeira, o primeiro passo para conseguir mudar a sua atual realidade é conhecer a sua pontuação e identificar as atitudes que precisam repensadas.

    Lembre-se que o score de crédito é uma espécie de currículo financeiro e, com responsabilidade e planejamento, ele pode ser seu grande aliado.

    Se você ainda não sabe em qual categoria se encontra, consulte o seu CPF sem sair de casa e gratuitamente. Gostou do assunto? Então você pode se interessar por alguns outros artigos: 

    Gostou? Deixe seu curtir
    Compartilhe nas suas redes sociais

    Leia a seguir

    • Educação financeira

      Modelo de orçamento: saiba como fazer um plano financeiro

    • Educação financeira

      Score alto: guia completo

    • Educação financeira

      Score médio: guia completo

    • Educação financeira

      Score baixo: guia completo

    Ver mais conteúdos

    Veja o que estão comentando