Foregon.comConteúdos

Seguro pay per use para automóveis: pague de acordo com o uso do veículo

Por Thais SouzaPublicado em
Compartilhe

Já imaginou ter a opção de acionar a cobertura do seguro auto apenas quando tirar o carro da garagem? Com a nova modalidade de seguro pay per use isso é possível. Quer saber mais? Então continue com a gente para conhecer e descobrir se vale a pena utilizá-lo. 

Seguro pay per use: conheça 

O seguro pay per use, que em tradução literal significa “pague pelo uso” é uma nova modalidade de seguro automotivo que entrou no mercado para facilitar e baratear esse tipo de serviço.

Nessa modalidade de seguro, o motorista paga apenas quando utilizar o veículo, ou seja, por quilômetro rodado. Isso pode ser ainda mais vantajoso durante a pandemia, já que há menos fluxo de carros nas cidades. 

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Como funciona o Seguro pay per use?

O seguro pay per use é calculado por meio de telemetria — assim, a seguradora consegue saber se o veículo segurado estará sendo deslocado. O preço por quilômetro rodado varia de acordo com a região em que o veículo está circulando.

Além disso, o preço do seguro também sofre influência da quantidade de vezes que o motorista utiliza seu carro, portanto, quanto menor a locomoção, menor o valor do serviço.

O contratante pode ter acesso às coberturas de roubo, furto, perda total, danos materiais a terceiros e assistência 24 horas. 

Já existem várias seguradoras que oferecem esse serviço online. A assinatura é é fixa todos os meses e acrescida do valor conforme a utilização do veículo. O valor da assinatura mensal, que garante cobertura de acidentes, furto e roubo para carros básicos, começa a partir de R$ 25.

Afinal, seguro pay per use vale a pena?

O seguro pay per use pode ser vantajoso de acordo com o motorista, ou seja, da quantidade de vezes em que ele utiliza o veículo mensalmente. 

Se você usa o seu carro diariamente e percorre muitos quilômetros com ele, o seguro pay per use pode sair até mais caro que um plano comum. Agora, se você possui mais de um carro e percorre caminhos curtos com o veículo, essa pode ser uma ótima opção. 

Além disso, é importante lembrar do contexto da pandemia no país, em que a maioria das pessoas estão trabalhando em home office e, portanto, o fluxo de veículos diminuiu consideravelmente. 

Descomplicamos? 

Agora que você já conhece o seguro pay per use, que tal conferir os artigos relacionados que separamos para você? 

Deixe seu comentário caso tenha ficado com alguma dúvida e até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe nas suas redes sociais

Thais Souza

Estudante de Publicidade e Propaganda, é Redatora na Foregon. Gosta de escrever textos sobre dicas de viagens e destinos. Nas horas livres gosta de ler e cozinhar.

Ver todos os posts

Leia a seguir

  • Seguro

    Seguro pay per use para automóveis: pague de acordo com o uso do veículo

  • Seguro

    Seguro auto: os erros mais comuns na hora de contratar

  • Seguro

    Cotação seguro viagem para os Estados Unidos: tudo o que você precisa saber

  • Seguro

    Dicas para cotar seguro sem sair de casa

Ver mais conteúdos

Veja o que estão comentando

Principais conteúdos

Principais assuntos

  1. Home
  2. Conteúdo
  3. Seguro