Foregon.comConteúdos

Senado aprova empréstimo para empresas via maquininha de cartão

Por Thais SouzaPublicado em
Compartilhe

Desde que a quarentena foi adotada no país, milhares de empresas foram a falência e tiveram que fechar suas portas. Diante desse cenário, várias medidas estão sendo tomadas para amenizar esse impacto financeiro e uma delas é o empréstimo para empresas através da maquininha de cartão.

Empréstimo para empresas via maquininha de cartão

Na última quinta-feira do mês de julho, o Senado aprovou por unanimidade a medida provisória que criará uma nova linha de crédito destinada a microempreendedores individuais (MEIs), micro, pequenas e médias empresas.

Intitulado como Programa Emergencial de Acesso a Crédito (Peac), o projeto visa facilitar a obtenção de empréstimos pelas empresas e auxiliar financeiramente os empreendedores a passarem por este período de crise. 

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Como vai funcionar? 

Se aprovado pelo presidente Jair Bolsonaro, o projeto permitirá que as empresas tenham acesso ao crédito de até R$ 50 mil, que será solicitado através da maquininha de cartão.

Os MEIs, micro e o pequenos empresários interessados em contratar o empréstimo por meio da maquininha terão que autorizar 8% dos direitos creditórios sobre vendas futuras ao banco que cedeu o crédito. Ou seja, As vendas futuras realizadas nas maquininhas servirão de garantias para as operações.

Tudo isso será formalizado junto à instituição financeira e assinado de forma de forma digital ou eletrônica.

Chamada de Peac-Maquininhas, a nova medida terá juros de aproximadamente 6% ao ano e prazo de até 36 meses para pagar, além do prazo de carência de seis meses para o início do pagamento.

O valor concedido será calculado com base na média mensal das vendas do contratante e poderá ser o dobro do valor contabilizado por meio das vendas e arranjos de pagamento – sem ultrapassar o limite de R$ 50 mil. 

Quais requisitos para contratar? 

O primeiro requisito para a contratação do empréstimo via maquininha diz que o empreendedor deve ter tido vendas de bens ou prestações de serviços liquidadas em arranjos de pagamento em pelo menos um dos meses entre janeiro e março de 2020.

Além disso, o tomador do crédito não pode ter operações de crédito ativas, fora do âmbito do Peac-Maquininhas, na data da formalização do empréstimo.

Dica Foregon 

Não esqueça de seguir a Foregon nas redes sociais para ficar por dentro de conteúdos como este em primeira mão. Deixe seu comentário caso tenha ficado com alguma dúvida e até a próxima! 

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe nas suas redes sociais

Thais Souza

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos relacionados a investimentos e empréstimos e acredita que esse tipo de conhecimento pode mudar a vida das pessoas. Como redatora, preza por conteúdos completos, passados de forma simples. Busca impactar a vida de pessoas que buscam resolver um problema ou conhecer melhor um produto ou serviço financeiro. Nas horas livres, a Thais gosta de ler e cozinhar. “Sou apaixonada pelo universo de investimentos, o que me motiva é ter a oportunidade de ajudar você, de maneira simples e descomplicada. Meu objetivo é te ajudar com uma informação rápida e prática. E o que mais me deixa feliz é o seu comentário.”

Ver todos os posts

Leia a seguir

  • Empréstimo

    Empréstimo para negativados do BB: condições e como contratar

  • Empréstimo

    Empréstimo para MEI: conheça a linha de crédito que oferece até R$ 50 mil

  • Empréstimo

    Banco do Brasil: empréstimo para negativados com até 180 dias para pagar

  • Empréstimo

    Senado aprova empréstimo para empresas via maquininha de cartão

Ver mais conteúdos

Veja o que estão comentando

Principais conteúdos

Principais assuntos

  1. Home
  2. Conteúdo
  3. Empréstimo