Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos

Teste de vacina contra Covid-19 será aplicada no Brasil: veja quem pode participar

Por Janaína TavaresPublicado em

Aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), o teste de vacina contra o Covid-19, desenvolvido pela Universidade de Oxford, será aplicado em dois mil voluntários brasileiros. Saiba todos os detalhes de como esse procedimento irá funcionar.

Como irá funcionar o teste de vacina contra o Covid-19?

Os testes aqui no país fazem parte de um plano de desenvolvimento global, sendo que o Brasil é o primeiro país fora do Reino Unido que irá testar essa vacina contra o novo coronavírus.

Além disso, a vacina será aplicada tanto no Rio de Janeiro, como em São Paulo já em junho deste ano:

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20
  • Rio de Janeiro: para testar a eficácia da imunização, mil voluntários farão parte do procedimento pela Rede D’Or São Luiz, com custo de cerca de R$ 5 milhões bancados pela Rede e sob coordenação do Instituto D’Or de Pesquisa e Ensino;
  • São Paulo: os outros mil voluntários participarão desta estratégia global pelo Centro de Referência para Imunológicos Especiais (Crie) da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), com financiamento da Fundação Lemann.

Quem poderá ser voluntário?

Apenas pessoas que estão na linha e frente do combate ao Covid-19, ou seja, aquelas que possuem maior chance de exposição ao vírus. Vale lembrar que os voluntários não podem ter sido infectados em outra ocasião.

Etapas de segurança para uma vacina ser aplicada

Independentemente do lugar em que as vacinas estão sendo desenvolvidas, elas precisam seguir algumas etapas de segurança. 

Só depois de concluídas todas essas fases é que as agências reguladoras de cada país podem ou não aprovar as vacinas e liberá-las para produção e distribuição. Conheça todas logo a seguir:

  • Fase exploratória: momento em que serão realizadas pesquisas e identificação de moléculas promissoras;
  • Fase pré-clínica: validação da vacina em organismos vivos, usando alguns animais para isso, por exemplo, em ratos;
  • Fase clínica: testes em humanos que possuem três etapas para essa aplicação (avaliação preliminar com poucos voluntários adultos, depois o teste em centenas de participantes escolhidos de maneira aleatória e bem controlados. Por fim, ensaio em larga escala com milhares de indivíduos).

Conheça outras vacinas em fase de desenvolvimento

De acordo com relatório mais recente divulgado no site da Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 133 candidatas a vacina estão sendo desenvolvidas contra o Covid-19. Vale destacar que dez delas estão na fase clínica, em estágio avançado, como é o caso da vacina que será testada nos dois mil brasileiros.

Por que uma vacina demora para ser criada e aprovada?

Apesar das 133 vacinas em potencial contra o Covid-19, diversas projeções pelo mundo afirmam que a imunização não estará disponível ainda em 2020.

Isso acontece porque a criação de uma vacina é um procedimento complicado e muitas podem acabar estagnando na fase clínica.

Outros estudos também levantam a hipótese de que uma vacina segura talvez nunca possa ser encontrada. Um exemplo dessa situação é o vírus que causa a Aids (HIV), pois suas constantes mutações impedem que uma vacina seja eficiente para este caso.

Vacinas em desenvolvimento no Brasil

Segundo o mesmo relatório da OMS, duas pesquisas brasileiras se encontram na fase pré-clínica (validação da vacina em organismos vivos). São elas:

  • Uma está sendo liderada pelos cientistas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) e pelo Laboratório de Imunologia do Instituto do Coração (Incor);
  • Já a segunda está sendo pesquisada pelo Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Vacinas (INCTV), que tem base técnica elaborada pelo Grupo de Imunologia de Doenças Virais da Fundação Oswaldo Cruz-MG.

Sugestões de leitura

Para continuar sua jornada junto com a gente, que tal aproveitar este momento para ler outros conteúdos da Foregon?

Boa leitura e até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Janaína Tavares

Jornalista e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, a Janaína (ou Jana). Como redatora, ama os conteúdos sobre dicas financeiras. Preza pela checagem de todas as informações e o conteúdo perfeito para ela, é aquele que ajuda o leitor a resolver um problema, ensinando e orientando o leitor a tomar a melhor decisão.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Trabalhador que recusar tomar vacina pode ser demitido por justa causa

PF deflagra operações contra fraudes no Auxílio Emergencial

Fase emergencial da quarentena no estado de SP: o que muda?

3 coisas que as empresas estão fazendo para superar a crise do Covid-19

5 princípios que devemos aprender em momentos de crise

O Auxílio Emergencial vai voltar em 2021?

Conheça o ‘Auxílio Emergencial’ para moradores da cidade de Belém

O que é necessário para receber a vacina contra o coronavírus?