Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Viagem dos sonhos: como se organizar e juntar dinheiro?

Por Nara LimaPublicado em

De acordo com um estudo realizado pela Panrotas, "2019: Turismo, consumo & aeroporto: o super turista brasileiro", cerca de 94% dos brasileiros têm interesse em realizar uma viagem. Você faz parte dessa parte da população que deseja curtir alguns dias de descanso ou até mesmo encarar uma aventura?

Para te ajudar a tornar esse sonho em realidade, separamos algumas dicas que poderão te ajudar a se organizar financeiramente para esse momento. Aproveite a leitura!

Como juntar dinheiro para viajar?

A seguir, confira algumas dicas simples, mas valiosas para conseguir tirar seu desejo do papel.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Organize sua vida financeira

Ter um planejamento financeiro é essencial para todos os campos da vida, inclusive para quem está guardando dinheiro para viajar. Esse é um passo importante na vida de qualquer pessoa que queira alcançar objetivos e realizar seus sonhos, como esse. 

O indicado é começar mapeando o quanto você ganha, o quanto gasta e onde gasta. As planilhas financeiras podem ser grandes aliadas, já que, a partir delas fica mais fácil identificar se você está gastando demais em coisas desnecessárias ou, até mesmo, gastando mais que o valor total da sua renda.

Determine o quanto poupará e invista

Nesses casos, é preciso definir uma meta de quanto será poupado mensalmente. Vale lembrar que não importa quanto dinheiro você consiga guardar por mês para viajar, mas sim a dedicação e esforço para juntar o montante no fim do mês.

Para você não poupar as cegas, é preciso primeiro identificar os custos da viagem. Leve em consideração pontos essenciais para a viagem, como hospedagem, passagem, alimentação, transporte, passeios, seguro viagem, entre outros.

No entanto, não basta apenas juntar, é preciso investir esse dinheiro para que ele renda, logo, caso algum imprevisto aconteça você terá uma margem de segurança. 

Se você não entende muito do mundo dos investimentos, procure uma corretora que ofereça o suporte sobre as melhores opções de ativos, levando em consideração as suas necessidades e o tempo que o dinheiro ficará na carteira. 

Encontre maneiras de economizar

Agora que você já começou a se planejar financeiramente, é hora de cortar custos, principalmente se você notar gastos desnecessários, como citamos anteriormente. Identifique todos os gastos supérfluos ou que poderiam ser evitados. 

Por exemplo:

  • Planos de telefonia pós-pagos: que tal optar por uma conta pré-paga? Essa é uma opção que não trará surpresas ao seu bolso;
  • Faça refeições em sua própria casa: pedir comida no seu restaurante favorito realmente é prático, no entanto, gera um custo desnecessário. Além de ter o seu tempero especial, essa é uma opção mais barata;
  • Cuidado com os pequenos gastos: uma comprinha ali, outra aqui e quando percebemos, sua fatura já conta com valores altos;
  • Evite compras parceladas no crédito: os juros podem atrapalhar suas finanças e, consequentemente, seu orçamento.

Defina metas e prazos

Definir prazos e metas financeiras são passos essenciais para quem está pensando em juntar dinheiro para viajar. Além de estabelecer qual será o custo estimado da sua viagem e poupar mensalmente, é preciso determinar metas a curto e longo prazo.

Por exemplo: em cinco meses você estabelece uma quantia a ser guardada e tentará alcançar esse objetivo.   

Lembre-se: com metas definidas, é mais fácil acompanhar seu progresso e se manter motivado. 

Aproveite momentos oportunos para comprar as passagens

Algumas viagens só podem ser feitas via companhias aéreas, seja pela distância ou pelo conforto proporcionado. Se esse for o seu caso, saiba que as passagens costumam oscilar muito.

A dica é se programar e comprá-las com bastante antecedência, já que a diferença costuma ser grande dependendo do dia programado para a viagem, do site onde você faz a reserva e do momento da compra.

Escolha a data certa

Complementando o tópico anterior, escolher a data ideal para realizar a viagem. Alguns destinos são mais baratos em determinadas épocas do ano, essa queda nos preços pode te ajudar tornar seu sonho real com mais facilidade.

Dica: julho, dezembro e janeiro são os meses mais caros para se viajar, já que a maioria das pessoas estão de férias, ou seja, a demanda é maior e, com isso, o preço vai às alturas. Por isso, é importante se programar não só financeiramente, como também no trabalho. 

Sempre que possível, opte por épocas e datas mais baratas. Esse passo fará toda a diferença no seu bolso.

Dica da Foregon: como economizar no câmbio?

Se você planeja fazer uma viagem internacional, não se esqueça de considerar a conversão de moeda. Lembre-se que quanto mais cara for a moeda em relação ao real, mais você vai gastar. Por isso, vá acompanhando o preço médio da moeda e comprando aos poucos. 

Sempre que a moeda estiver com uma boa cotação de compra, você compra uma parte do valor que precisa. Dessa forma, você não corre o risco de ter que comprar todo o dinheiro a ser levado na viagem por um preço alto.

Descomplicamos?

Esperamos que essas informações e dicas te ajudem a realizar a sua viagem dos sonhos. Afinal, o nosso trabalho é descomplicar a sua vida financeira e proporcionar o melhor conteúdo para você. 

Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe seu comentário aqui embaixo, combinado? Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Nara Lima

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, gosta de escrever sobre educação financeira. Preza pela facilidade da leitura e pela checagem das informações, buscando produzir um conteúdo de leitura simplificada e que sane as dúvidas do leitor.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Conheça o Anthor, aplicativo que conecta empresas a prestadores

WhatsApp Pay: confira 8 vantagens desse tipo de pagamento

Mercado Pago: guia completo

Tipos de carro: principais características e diferenças

5 livros que mudarão sua vida financeira

3 conselhos básicos para alcançar a liberdade financeira

Inteligência artificial em soluções antifraude

Onde usar a carteira digital Apple Pay?