Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Vistoria cautelar e consulta veicular: entenda as diferenças

Por Thais SouzaPublicado em

Na hora de comprar um carro usado, todo cuidado é pouco. Até porque, existem alguns aspectos que vão além da aparência do veículo. Por esses e outros motivos, a vistoria cautelar e a consulta veicular estão sendo cada vez mais utilizadas no processo de compra e venda de automóveis.

Mas, você sabe o que cada uma analisa e quais são as diferenças entre elas? Continue com a gente para descobrir. 

O que é vistoria cautelar e como ela é feita? 

A vistoria cautelar é uma análise feita para quem deseja adquirir um veículo usado. Ela analisa se o automóvel possui adulterações em sua estrutura, oferecendo mais segurança na hora da compra. 

Ela é feita por empresas especializadas que verificam a originalidade dos itens do veículo, como: chassi, motor, vidros, pintura, câmbio, etiquetas de identificação, dentre outros. 

Além disso, verifica-se a existência de reparos estruturais no automóvel, como quando ocorrem acidentes e o veículo é restaurado. Essa análise é importante pois, nesses casos, mesmo após o conserto, o veículo ainda pode apresentar riscos ao condutor caso a estrutura esteja comprometida. 

Homem desconfiado com a mão no queixo

Com o seu score calculado, você descobre o produto financeiro ideal para você!

Calcule o seu score de forma gratuita, rápida e segura e tenha acesso a centenas de cartões de crédito e outros produtos financeiros.
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

O que é consulta veicular e como ela é feita? 

A consulta veicular, diferente da vistoria cautelar, é feita online através da placa do veículo. Esse serviço analisa os seguintes itens de automóveis semi-novos ou usados: 

  • Débitos: informa se o veículo está quitado e se o IPVA está em dia;
  • Adulteração de quilometragem: verifica se o carro rodou mais quilômetros do que o informado pelo vendedor;
  • Multas: analisa o histórico do veículo e informa se ele possui multas;
  • Recuperação de sinistro: alguns acidentes causam problemas mecânicos e estruturais e mesmo após o conserto, continuam oferecendo perigo ao condutor. A consulta veicular analisa se o carro já passou por esse tipo de recuperação;
  • Passagem por leilão: muitos carros passam por leilão e são totalmente restaurados e a consulta veicular identifica se isso já ocorreu;
  • Aceitação de seguro: informa se o veículo possui ou não risco em aceitação de seguros de auto.

Além de ser uma análise bem completa, a consulta veicular possui um ótimo custo benefício. Você pode encontrar sites que oferecem esse serviço a partir de R$ 10. 

As informações são coletadas em tempo real obtidas oficialmente de banco de dados públicos e privados, você só precisa informar a placa ou número do chassi. 

Qual as diferenças entre vistoria cautelar e consulta veicular?

A grande diferença entre elas é a vistoria cautelar é bem mais completa, pois além de avaliar a documentação do veículo, também analisa toda a estrutura física do veículo, como: possíveis alterações da pintura, originalidade das peças e muitos outros aspectos. 

A consulta veicular, por sua vez, oferece mais facilidade, por se tratar de um processo totalmente online, e um maior custo benefício, já que é possível encontrar sites que oferecem o serviço a partir de R$ 10. 

Dica Foregon 

A vistoria cautelar – mesmo sendo mais cara, por ser mais completa, sempre será a melhor opção na hora de comprar um veículo usado. 

Porém, se você não quer gastar com esse serviço recomendamos que opte pela consulta veicular pois, mesmo que seja uma opção menos completa, ainda é extremamente eficiente, barata e pode livrá-lo de cair em golpes ou comprar um automóvel danificado. 

Ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário que a gente descomplica para você. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Thais Souza

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos relacionados a investimentos e empréstimos e acredita que esse tipo de conhecimento pode mudar a vida das pessoas. Busca impactar a vida dos usuários que buscam resolver um problema ou conhecer melhor um produto ou serviço financeiro.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Plataforma de crédito em cloud: o que é e como funciona?

6 dicas para identificar se o boleto bancário é falso

Minhas Finanças: entenda como organizar a vida financeira no aplicativo

É possível pagar multas com cartão de crédito?

Banco BV financiamentos

Conheça 7 impostos que você paga e nem sabe

Samsung Rewards: saiba tudo sobre esse programa de recompensas

Semana do score de crédito: um evento online e gratuito da Foregon