Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

WhatsApp: prazo para aceitar as novas políticas de uso termina em breve

Por Camila SilveiraPublicado em

Os usuários do WhatsApp têm menos de um mês para aceitar as novas políticas de uso e privacidade da plataforma. A partir do dia 15 de maio, os usuários que não concordarem com as novas mudanças e regras da plataforma de mensagens terão a funcionalidade da sua conta limitada.

Anunciada no dia 6 de janeiro de 2021, a obrigatoriedade de compartilhamento de dados do WhatsApp com o Facebook gerou polêmica.

Tal funcionalidade estava prevista para entrar em prática no dia 8 de fevereiro, porém, acabou sendo adiada pela empresa de Mark Zuckerberg devido à repercussão negativa.

É importante esclarecer que, de acordo com os desenvolvedores, nenhuma conta será excluída, caso as regras não forem aceitas. No entanto, o uso da plataforma ficará limitado para essas pessoas até a conformidade com as mudanças.

"Por um curto período de tempo, você poderá receber chamadas e notificações, mas não poderá ler e enviar mensagens no app", explicou a empresa.

Homem desconfiado com a mão no queixo

Com o seu score calculado, você descobre o produto financeiro ideal para você!

Calcule o seu score de forma gratuita, rápida e segura e tenha acesso a centenas de cartões de crédito e outros produtos financeiros.
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

Quem não concordar com os novos termos do WhatsApp poderão exportar o histórico de mensagens e o relatório da conta no Android e no iOS até a entrada em vigor das novidades do aplicativo.

Aqueles que escolherem excluir a conta do mensageiro também deverão fazer a exportação dos dados antes, pois o backup e o histórico de conversas são apagados juntamente com o perfil.

O que mudará no WhatsApp?

Com as novas regras de uso da plataforma, os dados gerados em interações com perfis comerciais no mensageiro, como as contas de lojas que atendem pelo aplicativo, poderão ser colhidos e usados para o direcionamento de anúncios no Facebook e no Instagram.

Apesar disso, vale ressaltar que o número do telefone do usuário não será compartilhado com empresas, exceto se a pessoa conceder tal autorização. Sobre as conversas pessoais com amigos e familiares, a empresa explicou que a privacidade e segurança não serão alteradas, mantendo-se a criptografia de ponta a ponta.

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado você com esse conteúdo. Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe o seu comentário para nós. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Conta digital Bitz oferece cashback em parceria com o McDonald’s

C6 Bank permite empresas venderem através de links de pagamentos; saiba mais

Apple deseja entrar no mercado financeiro e oferecer produtos e serviços

Desafio Santander: como ganhar até R$ 100 com o cartão de crédito

PagBank oferece até R$ 600 para quem fizer portabilidade de salário

Cadastro Positivo liberou crédito para mais de 22 milhões de pessoas, diz Serasa

Banco BV lança opção de cartão sustentável

BB premia clientes Ourocard selecionados com 5 mil pontos Livelo