Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Empréstimo com Garantia de Terreno: Conheça e Veja Onde Pedir

Por Thais SouzaPublicado em

Tem um terreno e quer contratar crédito para construir ou tirar outros planos do papel? Saiba que o empréstimo com garantia de terreno pode ser uma ótima opção para conseguir juros mais baixos e condições de pagamento mais atrativas. 

Neste guia completo você vai conhecer todos os detalhes do empréstimo com garantia de terreno, quais bancos oferecem esse tipo de crédito e como contratar.

Empréstimo com garantia de terreno: como funciona?

O Home Equity é uma categoria de empréstimo em que você oferece um imóvel como garantia de pagamento das parcelas. Em troca, o banco oferece taxas de juros mais acessíveis, valores maiores e condições de pagamento mais atrativas. 

Neste caso, por exemplo, o valor do empréstimo varia de acordo com o valor do imóvel oferecido como garantia da operação. Este tipo de empréstimo aceita casas, apartamentos e até terrenos como garantia. Neste artigo vamos falar especificamente do empréstimo com garantia de terreno. 

Para solicitar um empréstimo deste tipo, você precisa ter uma propriedade em seu nome. Este bem entrará como garantia da operação e a propriedade passa para a instituição financeira, mas o direito de uso segue sendo seu, ou seja, o terreno fica alienado ao banco.

Homem desconfiado com a mão no queixo
Com o seu score calculado, você descobre o produto financeiro ideal para você!
Calcule o seu score de forma gratuita, rápida e segura e tenha acesso a centenas de cartões de crédito e outros produtos financeiros.
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

Você poderá utilizar o terreno normalmente, inclusive alugá-lo. No entanto, não é possível vendê-lo antes de terminar de pagar o empréstimo. 

O que acontece se eu não pagar as parcelas?

A garantia de terreno é exatamente a forma que o banco terá de garantir que as parcelas serão pagas pelo contratante. Caso haja inadimplência, além de ter o CPF negativado, o cliente poderá perder o terreno para o banco, que irá colocá-lo para leilão.

Vale ressaltar que todas essas condições ficam estabelecidas em um contrato de alienação fiduciária.

Após o leilão, o banco usará o dinheiro da venda para quitar o saldo devedor do empréstimo. Vale ressaltar que todas essas condições ficam estabelecidas em um contrato de alienação fiduciária.

Por isso, apesar de ser uma das linhas de crédito mais vantajosas do mercado, o empréstimo com garantia de terreno deve ser pago sempre em dia para evitar a perda do bem.

Diferença do empréstimo com garantia de terreno para outras linhas de crédito

O empréstimo com garantia de terreno possui várias diferenças em relação a outras linhas de crédito disponíveis no mercado. Confira abaixo: 

  • Exige garantia de propriedade em nome do contratante; 
  • O valor disponibilizado é maior, já que é calculado com base no valor do terreno; 
  • O parcelamento é mais flexível, em alguns bancos pode ser feito em até 240 vezes;; 
  • Aprova negativados; 
  • Contratação mais burocrática, pois exige apresentação dos documentos da propriedade e também dos documentos pessoais. 

Quais são os juros do empréstimo com garantia de terreno?

Como o banco possui um bem como garantia de pagamento do empréstimo, isso dá maior segurança para a instituição financeira em relação ao pagamento das parcelas. Dessa maneira, é possível ter acesso a taxas de juros bem mais acessíveis do que em outras linhas de crédito.

Entretanto, não é possível saber exatamente qual será a taxa de juros do seu empréstimo, já que as instituições financeiras fazem uma análise do seu perfil para definir se as taxas aplicadas serão mais altas ou mais baixas, e isso é decidido de acordo com as chances de inadimplência.

No caso do empréstimo com terreno de garantia, o risco de inadimplência é muito baixo e, por isso, as taxas de juros também são menores quando comparadas a modalidades como o empréstimo pessoal.

Quais bancos oferecem empréstimo com garantia de terreno?

Bradesco 

O Bradesco oferece empréstimo de até 60% do valor do imóvel e prazo de 15 anos para pagar ao colocar seu imóvel quitado como garantia. 

Além desta opção, o banco também conta com o financiamento de lotes urbanos, em que é possível financiar até 70% do valor do terreno que você deseja adquirir, com pagamento em até dez anos.

Banco do Brasil

O Banco do Brasil oferece empréstimo com garantia de imóvel, incluindo terrenos, comerciais ou residenciais. É possível solicitar crédito de até 55% do valor do seu imóvel residencial e até 30% do imóvel comercial. Confira as principais características: 

  • Empréstimo entre R$ 35 mil e R$ 3 milhões;
  • Pagamento em até 238 parcelas;
  • Até dois meses de carência para pagamento da primeira parcela;
  • Prestações fixas;
  • Imóvel residencial ou comercial;
  • Financiamento de IOF e tarifas.

Caixa Econômica Federal

Por meio do programa Crédito Real Fácil, a Caixa oferece empréstimo com garantia de imóvel rural e urbano, com prazo de pagamento de até 240 meses.

Para solicitar o empréstimo é preciso ir até uma agência da Caixa ou falar com um correspondente bancário. 

Como fazer empréstimo com garantia de terreno?

O primeiro passo para contratar um empréstimo com garantia de terreno é fazer uma simulação nos bancos que oferecem essa opção de crédito para encontrar as melhores condições e taxas de juros. 

Vale lembrar que você deve avaliar o valor final do empréstimo (Custo Efetivo Total, conhecido pela sigla CET), e não somente os juros.

Depois de escolher o banco ou instituição financeira é hora de solicitar o empréstimo. Você pode fazer isso presencialmente ou verificar se há a possibilidade de contratar online. 

A instituição fará uma análise dos seus dados pessoais para definir não apenas se você é apto para fazer o empréstimo, como também a taxa de juros e o CET que serão oferecidos. 

Atente-se também aos documentos necessários para solicitar o empréstimo. Normalmente, as instituições financeiras costumam pedir: 

  • Documento de identificação oficial (RG ou Carteira Nacional de Habilitação (CNH), por exemplo);
  • CPF;
  • Comprovante de renda;
  • Comprovante de residência;
  • Certidão de nascimento;
  • Certidão de casamento caso o solicitante seja casado;
  • Certidão de Registro do Pacto Antenupcial (em caso de casamento em comunhão universal ou total de bens);
  • Certidão de casamento com a averbação da atual situação caso o solicitante seja separado, divorciado ou viúvo.

Outro ponto que é avaliado pelas instituições financeiras é o bem dado como garantia. O banco fará uma avaliação do terreno e da sua documentação. Vale ressaltar que o valor dessa avaliação é pago pelo consumidor. Então, o valor do empréstimo será de acordo com o valor do terreno. 

Portanto, se você estiver de acordo com todas as condições e taxas, assine o contrato!

Descomplicamos?

Agora que você já sabe tudo sobre empréstimo com garantia de terreno é hora de se planejar financeiramente para contratar o crédito e ter total controle do orçamento e não se complicar com o pagamento das parcelas.

Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Thais Souza

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos relacionados a investimentos e empréstimos e acredita que esse tipo de conhecimento pode mudar a vida das pessoas. Busca impactar a vida dos usuários que buscam resolver um problema ou conhecer melhor um produto ou serviço financeiro.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Empréstimo Débito em Conta [O que é, Características, Taxas]

Empréstimo com Dinheiro Guardado Nubank: Como Contratar?

Empréstimo com Garantia de Terreno: Conheça e Veja Onde Pedir

Empréstimo imobiliário: dicas para contratar

Beneficiários do Auxílio Brasil podem fazer empréstimo na Caixa?

Uber Lança Empréstimo Para Motoristas

Entenda se a CredFácil é confiável antes de solicitar crédito

Empréstimo consignado empresa privada: entenda como funciona