Ir para o conteúdo principal
Foregon.com

Conta Corrente: Guia Completo para Entender, Escolher e Gerenciar

Escrito por 

Atualizado em 

Qualidade editorial: Nosso conteúdo é construído por uma equipe profissional que coloca a dúvida do leitor no centro da sua escrita. Cada autor traz o seu conhecimento para responder e solucionar sua busca, entregando valor por meio da verificação de dados, aprofundamento da pesquisa e reputação do nosso site.

Segurança e privacidade: Somos responsáveis por manter seus dados protegidos quando você acessa nosso site. Trabalhamos com total transparência e respeito ao seu consentimento, colocando você no controle de seus dados. Conheça nossa política de privacidade.

A conta corrente é uma ferramenta essencial no mundo financeiro, oferecendo fácil acesso aos seus fundos para atender às necessidades do dia a dia. No entanto, há muito mais a considerar do que simplesmente o que é uma conta corrente. Neste guia completo, exploraremos todos os aspectos das contas correntes, desde os tipos disponíveis até como abrir, gerenciar e encerrar sua conta. Se você está buscando informações detalhadas sobre contas correntes, está no lugar certo.

O que você procura?

O que é uma Conta Corrente?

A conta corrente é uma conta bancária que permite depósitos e saques ilimitados. Ela é projetada para ser utilizada no dia a dia, facilitando transações como pagamentos de contas e compras. Para acessar os fundos de uma conta corrente, você pode usar serviços como internet banking, caixas eletrônicos, cartões de débito e cheques. No entanto, o aspecto mais importante a lembrar é que, em sua maioria, as contas correntes não rendem juros significativos, tornando-as ideais para transações diárias, mas não para investimentos de longo prazo.

Tipos de Contas Correntes:

Existem vários tipos de contas correntes disponíveis, cada uma com suas características distintas:

  • Conta Corrente Gratuita: Todas as instituições financeiras são obrigadas a oferecer pelo menos um tipo de serviço de conta sem tarifas, com um pacote mínimo de serviços sem custo, mas que pode cobrar por serviços específicos.
  • Conta Corrente com Mensalidade: Oferece benefícios adicionais em troca de uma taxa mensal, como cheque especial sem juros por determinados dias, aconselhamento financeiro e descontos em produtos financeiros.
  • Conta Digital de Bancos Tradicionais: Muitos grandes bancos agora oferecem contas digitais com isenção de tarifas para transações online, proporcionando maior conveniência para os clientes.
  • Conta Digital de Bancos Digitais: Bancos digitais operam exclusivamente online, oferecendo contas que não apenas permitem que o seu dinheiro renda, mas também proporcionam isenção de tarifas para transferências online e depósitos rápidos.
  • Conta Conjunta: Uma conta compartilhada por duas ou mais pessoas, frequentemente utilizada por casais, pais e filhos, ou parceiros de negócios.
  • Conta para Estudantes: Projetada para estudantes, essas contas costumam oferecer taxas mais baixas ou isenções de mensalidades, incentivando a gestão financeira responsável desde cedo.

Como Abrir uma Conta Corrente

Para abrir uma conta corrente, você geralmente deve ser maior de 18 anos. Menores entre 16 e 18 anos podem abrir contas correntes com a presença dos responsáveis legais, a menos que sejam emancipados legalmente. Os bancos normalmente solicitam comprovantes de renda, como carteira de trabalho, holerite ou contrato de estágio.

Estou Negativado. Posso Abrir uma Conta Corrente?

Se o seu CPF estiver cadastrado como inadimplente em órgãos de proteção ao crédito, abrir uma conta corrente em um banco tradicional pode ser desafiador. Isso ocorre porque os bancos frequentemente disponibilizam crédito pré-aprovado, cartões de crédito e cheques para seus correntistas, o que pode representar um risco para o banco em caso de inadimplência.

No entanto, as contas digitais oferecem uma alternativa para aqueles que estão negativados. Essas contas são uma excelente opção para manter o controle financeiro, mesmo quando enfrentando desafios de crédito.

O que é Cheque Especial e Como Funciona

O cheque especial é uma linha de crédito pré-aprovada vinculada à sua conta corrente, que permite gastar mais dinheiro do que você tem disponível. Quando sua conta corrente é usada sem saldo suficiente, você automaticamente entra no cheque especial. É importante notar que o cheque especial normalmente incorre em taxas de juros altas, tornando-o uma opção cara. Isso ocorre porque o banco oferece esse crédito sem a necessidade de garantias, tornando-o um risco maior.

Por que o Cheque Especial Tem Juros Tão Altos

Os juros do cheque especial são elevados devido à falta de garantias e à facilidade de acesso a esse crédito. Em contraste, empréstimos pessoais e financiamentos exigem contratos e garantias específicas. No cheque especial, o risco de inadimplência é maior, justificando as taxas de juros mais altas. Enquanto empréstimos consignados, por exemplo, têm juros médios de 42,8% ao ano, o cheque especial pode cobrar taxas que chegam a 341% ao ano, de acordo com o Banco Central.

Quando Usar o Cheque Especial

Apesar das altas taxas de juros, o cheque especial pode ser útil em emergências de curto prazo, quando você precisa de dinheiro rapidamente e pode pagar o valor de volta assim que receber sua próxima renda. No entanto, para necessidades financeiras a longo prazo, empréstimos pessoais ou financiamentos são opções mais econômicas.

Débito e Crédito: Quais as Diferenças

Quando você abre uma conta corrente, muitas vezes você terá a opção de obter um cartão de crédito vinculado à sua conta ou um cartão de débito. Aqui estão as principais diferenças entre as duas opções:

Cartão de Crédito

  • Permite que você compre agora e pague mais tarde, com o valor cobrado na fatura.
  • Oferece um limite de crédito, permitindo que você gaste até esse limite.
  • É possível parcelar compras, com a possibilidade de não pagar juros em alguns casos.

Cartão de Débito

  • Deduz o dinheiro diretamente da sua conta no momento da compra.
  • Não possui um limite de crédito; o valor deve estar disponível na sua conta.
  • Compras são pagas à vista, sem opção de parcelamento.

Quando Usar Crédito ou Débito

A escolha entre crédito e débito depende de sua situação financeira e das necessidades de cada transação. O crédito é ideal para compras maiores que você planeja pagar posteriormente, enquanto o débito é apropriado para gastos imediatos e controle mais rígido de despesas.

Como Fechar uma Conta Corrente

Para encerrar uma conta corrente, é necessário fazer uma solicitação formal por escrito ao banco. Guarde uma cópia da solicitação como comprovante. O banco deve encerrar a conta em até 30 dias e fornecer um termo de encerramento. Certifique-se de não ter saldos devedores antes de solicitar o encerramento.

É essencial que a conta seja encerrada adequadamente, pois uma conta inativa não será automaticamente encerrada, e algumas instituições podem continuar cobrando taxas de manutenção.

Conclusão

Uma conta corrente é uma ferramenta fundamental para o gerenciamento financeiro do dia a dia, mas é importante entender todos os aspectos envolvidos, desde os tipos de contas até o uso responsável do cheque especial e a escolha adequada entre débito e crédito. Com este guia completo, você está melhor preparado para tomar decisões informadas sobre suas finanças. Lembre-se de escolher o tipo de conta que melhor atende às suas necessidades e de utilizar o crédito com responsabilidade para evitar dívidas desnecessárias.

Compartilhe

Escrito por:

Victor Brisola
Redator SEO

Redator especializado em proteção de dados e score de crédito, formado em Jornalismo pela Escola Superior de Administração, Marketing e Comunicação de Sorocaba. Ele é responsável pela produção e refinamento dos conteúdos da Foregon.