Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Candidato a emprego pode ser rejeitado por ter nome sujo?

Por Thais SouzaPublicado em

Estar com o nome sujo é algo que pode impedi-lo de ser aprovado em solicitações de serviços e produtos financeiros, como: empréstimos, cartão de crédito, financiamentos, dentre outros.

O que muitos não sabem é que quem está com nome negativado pode até ser rejeitado em uma vaga de emprego, mesmo que a prática não seja permitida. Quer entender um pouco mais sobre o assunto? Então continue com a gente. 

Candidato a emprego pode ser rejeitado por estar com nome sujo?

Entrar no mercado de trabalho não é algo fácil e alguns empregadores ainda costumam dificultar isso para pessoas que estão com o nome sujo.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

O Ministério Público do Trabalho considera um ato discriminatório a consulta aos órgãos de proteção ao crédito pelos empregadores como decisão na hora de contratar ou não um candidato. 

Porém, na prática isso não acontece. Algumas empresas consultam o CPF do trabalhador no Serasa ou SPC e usam o nome sujo como motivo para rejeitar candidatos à vagas de emprego, mesmo que isso seja proibido por lei. 

A proibição da adoção de qualquer prática discriminatória e limitativa para efeito de acesso ou a manutenção da relação de emprego está prevista na na Lei 9.029/1995, art. 1º.

Se o candidato for prejudicado em uma vaga de emprego por estar com o nome negativado ele pode acionar a justiça. Contudo, ele terá que provar que o motivo foi esse e, infelizmente, isso é algo muito difícil. 

Existe alguma exceção? 

Os bancos podem fazer esse tipo de restrição pois, de acordo com um dispositivo na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), é permitido que os bancários sejam demitidos caso estiverem com o nome sujo.

Além disso, os concursos públicos também podem reprovar pessoas que estão com nome negativado, já que as vagas não são regidas pela CLT. Caso você se encontre nessa situação, pode solicitar na justiça para que a exigência seja retirada.

Ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário que a gente descomplica para você. 

Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Thais Souza

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos relacionados a investimentos e empréstimos e acredita que esse tipo de conhecimento pode mudar a vida das pessoas. Busca impactar a vida dos usuários que buscam resolver um problema ou conhecer melhor um produto ou serviço financeiro.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Quem conseguiu economizar na quarentena já pensa em viajar

Black Friday 2021 Magalu: como aproveitar as melhores ofertas

Quando começa a Black Friday 2021?

Black Friday 2021 Submarino: saiba como garantir as melhores promoções

Open Banking: 7 aspectos que podem impactar as Pequenas e Médias Empresas

Conheça os 10 carros mais econômicos do Brasil

Reconhecimento facial: o que é e como funciona

Anywhere office: conheça o novo modelo de trabalho flexível