Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

banQi pode liberar empréstimo pessoal para negativados e desbancarizados; entenda

Por Camila SilveiraPublicado em

Na última segunda-feira, dia 19, a Via, empresa de comércio varejista, responsável pelas redes de lojas das bandeiras Casas Bahia, anunciou que seu conselho de administração aprovou a destinação de R$ 300 milhões de capital próprio para crédito pessoal por meio do seu banco digital, também conhecido como banQi.

A empresa também afirmou que poderá buscar novas maneiras de financiamento para o produto. Segundo a agência de notícias britânica Reuters, uma das opções seria fundos de investimentos em direitos creditórios.

Esse anúncio acompanha a autorização do Banco Central para o funcionamento da BNQI Sociedade de Crédito, a plataforma financeira digital da Via. Com essa aprovação, haverá a ampliação da oferta de serviços no aplicativo.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

A varejista espera alcançar R$ 16 bilhões em crédito pessoal e possui limites pré-aprovados de R$ 42,5 bilhões em crediário.

Após levar em conta esse novo produto de crédito pessoal, a empresa disse que conta com uma lista de 250 mil pessoas interessadas, número que considera a base de clientes pré-aprovados no crediário.

Atualmente, o banco possui duas milhões de contas digitais.

banQi quer oferecer crédito aos negativados e desbancarizados

Segundo a informação dada pelo Valor Econômico, a Via deseja ir além do tradicional crediário. O propósito seria liberar o empréstimo pessoal para clientes negativados e desbancarizados.

De acordo com o executivo chefe de finanças e estratégias do banQi, Andre Calabro, na maioria das vezes, o crediário é o único meio de acesso para que uma pessoa da classe social C possa ter um produto.

Ele ainda afirma que esse perfil de cliente também necessita de crédito para outras necessidades, como pagamento de dívidas e investimento em educação. Sabendo disso, a Via desenvolveu a entrada em empréstimo pessoal.

Sendo assim, o banQi liberará um limite médio de R$ 2 mil. Apesar disso, a quantia pode variar entre R$ 800 e R$ 15 mil. 

O pagamento poderá ser feito em até 18 meses e, para garantir o empréstimo, o cliente precisará se cadastrar no banco digital (iOS e Android).

Os R$ 300 milhões liberados pela empresa Via serão destinados para esse objetivo em 2021. Essa novidade deve ganhar vida a partir do ano que vem.

Gostou do conteúdo?

Esperamos ter ajudado você com esse artigo. Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe o seu comentário para nós. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

C6 Bank abre 500 vagas de emprego em diversas áreas

Covid-19: Câmara aprova isenção de Imposto de Renda para pessoas com sequelas da doença

Facebook renova linha Portal, o novo dispositivo de videochamada

Nubank permitirá que seus clientes tenham mais de um cartão virtual

Open banking: BC define dados que precisam ser detalhados na fase 4

Gás de cozinha: fogão a lenha volta a ser mais usado por brasileiros

Novo Bolsa Família começa a ser pago em novembro

Shell planeja investir R$ 3 bilhões em energia renovável no Brasil