Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Bolsa Família: quem pode participar e quais são os benefícios?

Por Camila SilveiraPublicado em

O Bolsa Família é um programa de transferência direta de renda, voltado para as famílias em situação de vulnerabilidade em todo o país, de modo que consigam superar essas condições. O programa tem o objetivo de garantir o direito à alimentação e o acesso à educação e à saúde para essas pessoas.

Quais são os objetivos do Bolsa Família?

  • Combater a fome e promover a segurança alimentar e nutricional;
  • Combater formas de privação das famílias;
  • Promover o acesso à rede de serviços públicos, em especial, saúde, educação, segurança alimentar e assistência social.

Quem pode participar do programa Bolsa Família?

  • Famílias extremamente pobres que têm a renda mensal de até R$ 89 por pessoa;
  • Famílias pobres que têm renda mensal entre R$ 89,01 e R$ 178.

É válido lembrar que as famílias que têm a renda entre R$ 89,01 e R$ 178 podem participar do programa, desde que tenham em sua composição gestantes e crianças ou adolescentes entre zero e 17 anos.

Para se candidatar ao programa do Bolsa Família, é necessário que a família esteja inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, com seus dados atualizados, pelo menos, há dois anos.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

É extremamente importante que os dados da família estejam sempre atualizados. Portanto, qualquer mudança de endereço, telefone de contato e quaisquer modificações na constituição da família, se faz necessário informar para a prefeitura da cidade.

Tipos de benefícios do Bolsa Família

Benefício Básico

Benefício concedido às famílias com renda mensal de até R$ 89 por pessoa. O auxílio é de R$ 89 mensais.

Benefício Variável

Para as famílias em situação de pobreza ou de extrema pobreza que tenham em sua composição gestantes, mães que amamentam e crianças e adolescentes de zero a 15 anos. O valor de cada benefício é de R$ 41 e cada família pode acumular até cinco benefícios por mês, chegando ao valor de R$ 205.

Benefício Variável Jovem

Destinado às famílias em situação de pobreza ou de extrema pobreza e que tenham em sua composição adolescentes entre 16 e 17 anos. O valor desse benefício é de R$ 48 mensais e cada família pode acumular até dois benefícios, ou seja, R$ 96.

Benefício para Superação de Extrema Pobreza

Esse benefício é voltado para as famílias em situação de extrema pobreza. Cada família pode receber um benefício por mês. O valor dele varia em razão do cálculo realizado a partir da renda por pessoa da família e do benefício já recebido do programa.

Como receber o Bolsa Família?

1. Cadastramento

Se a sua família se encaixa em todas essas condições citadas anteriormente, procure o setor responsável pelo Bolsa Família de seu município. Será necessária a apresentação do documento de identificação para realizar parte do Cadastro Único dos Programas Sociais do Governo Federal.

2. Seleção

A segunda etapa é a seleção das famílias, feita pelo Ministério do Desenvolvimento Social com base nos dados inseridos pelas prefeituras no Cadastro Único. Entenda que essa seleção é feita todos os meses e os critérios usados são a composição familiar e a renda de cada integrante.

3. Pagamento

Por fim, se a sua família for selecionada, você passará a contar com a ajuda do programa. O valor será de acordo com o tipo de benefício para o perfil da sua família.

Se você já está fazendo parte do programa pode fazer a Consulta Pública do Bolsa Família através do número do NIS ou CPF para descobrir quais são os valores a serem recebidos. Confira os detalhes no artigo abaixo:

Descomplicamos?

Esperamos ter esclarecido suas dúvidas sobre o Bolsa Família. Para mais informações, entre em contato com a Caixa Econômica Federal pelo número 0800 726 02 07. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Digio estreia no Apple Pay: veja como ativar

Aplicativos colaborativos: conheça 4 Apps que podem facilitar a sua vida

Oportunidade: 24 empresas abrem vagas de emprego, estágio e trainee

Oportunidade: estão abertas cerca de 3 mil vagas de emprego e estágio

Nubank finalmente chega ao Apple Pay: veja como cadastrar e utilizar

Tem mais de um cartão de crédito? Saiba como controlar as suas finanças

Como ser um motorista de aplicativo 5 estrelas?

E-commerce: 6 erros mais comuns ao vender pelas redes sociais