Ir para o conteúdo principal
Foregon.com

Calendário Bolsa Família 2023: Pagamentos e Novas Regras

Por Nara LimaPublicado em

O Bolsa Família é um programa social do governo brasileiro que desempenha um papel fundamental no combate à pobreza e na promoção da inclusão social. Para as famílias beneficiárias, o calendário de pagamentos do Bolsa Família é uma informação crucial. Neste artigo, discutiremos em detalhes o calendário do Bolsa Família para o ano de 2023, bem como os valores do benefício, as novas regras e outros aspectos essenciais desse programa social.

O que você procura?

Calendário Bolsa Família 2023

O calendário de pagamentos do Bolsa Família para 2023 foi divulgado e segue um cronograma mensal, que vai de janeiro a dezembro. Os pagamentos ocorrem de acordo com o número de identificação social (NIS) das famílias beneficiárias. Abaixo está o calendário para o mês de outubro como exemplo:

  • NIS final 1: 18 de outubro
  • NIS final 2: 19 de outubro
  • NIS final 3: 20 de outubro
  • NIS final 4: 23 de outubro
  • NIS final 5: 24 de outubro
  • NIS final 6: 25 de outubro
  • NIS final 7: 26 de outubro
  • NIS final 8: 27 de outubro
  • NIS final 9: 30 de outubro
  • NIS final 0: 31 de outubro

Este calendário é válido para todo o ano de 2023, com pagamentos ocorrendo mensalmente.

Valores do Bolsa Família 2023

O valor básico do Bolsa Família em 2023 é de R$ 600 por mês, o que equivale a R$ 142 por pessoa da família. Além disso, o programa oferece acréscimos, tais como:

  • R$ 150 por criança menor de 7 anos.
  • R$ 50 por jovem de 7 a 18 anos.
  • R$ 50 por gestante.

Esses adicionais visam garantir uma renda mínima para as famílias beneficiárias e promover o bem-estar das crianças e gestantes.

Novas Regras do Bolsa Família em 2023

O Bolsa Família passou por algumas mudanças em 2023, com o retorno ao nome original e a manutenção do valor mínimo em R$ 600. Além disso, houve alterações significativas, como:

  1. Renda Máxima: O limite de renda per capita para ser elegível ao programa foi atualizado para R$ 218, um aumento em relação ao ano anterior.
  2. Validade do Benefício: Agora, o Bolsa Família tem validade de 24 meses, antes era de 12 ou 24 meses, dependendo da situação.
  3. Renda Durante a Participação: A renda máxima que a família pode obter durante a duração do programa mudou para até R$ 651 por pessoa.
  4. Acréscimo de Idade: O adicional para crianças agora é pago até 7 anos, ao invés de 3 anos.
  5. Benefícios Permanentes: Não há mais previsão de reduzir o Bolsa Família caso a família comece a receber benefícios permanentes do INSS ou do BPC.
  6. Conta Poupança Digital: As famílias podem agora receber o benefício por meio de uma conta poupança digital.

Essas mudanças visam melhorar a eficácia do programa e atender às necessidades das famílias em situação de vulnerabilidade.

Como Consultar o Bolsa Família

Para verificar a disponibilidade do benefício, os beneficiários podem utilizar o aplicativo do Bolsa Família, disponível para Android e iOS. Além disso, é possível consultar o benefício pela Central de Atendimento no número 111 ou pelo Atendimento Caixa ao Cidadão, ligando para 0800 726 02 07 e informando o número NIS. Alternativamente, o Bolsa Família pode ser consultado pelo aplicativo ou site do Cadastro Único.

Como Se Cadastrar no Bolsa Família

O cadastro no Bolsa Família é realizado presencialmente no CRAS, o Centro de Referência de Assistência Social. É necessário levar um documento de identificação de cada membro da família e passar por uma entrevista para completar a inscrição. Além disso, é essencial registrar-se no Cadastro Único, que concentra informações sobre famílias de baixa renda. Manter os dados atualizados é obrigatório, com renovação a cada 2 anos.

Perspectivas para o Bolsa Família em 2024

As projeções indicam que em 2024, o valor básico do Bolsa Família pode aumentar para R$ 710,50. Além disso, continuará havendo acréscimos para crianças, adolescentes e gestantes. No entanto, é importante lembrar que essas informações são sujeitas a confirmação e podem sofrer alterações.

Conclusão

O Bolsa Família desempenha um papel vital na mitigação da pobreza no Brasil. Conhecer o calendário de pagamentos, os valores e as regras do programa é fundamental para as famílias beneficiárias.

As mudanças implementadas em 2023 visam tornar o programa ainda mais eficaz na promoção do bem-estar social. Fique atento a futuras atualizações, uma vez que o Bolsa Família continua a evoluir para atender às necessidades das famílias em situação de vulnerabilidade.

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Nara Lima

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, gosta de escrever sobre educação financeira. Preza pela facilidade da leitura e pela checagem das informações, buscando produzir um conteúdo de leitura simplificada e que sane as dúvidas do leitor.

Ver todos os posts

Leia também

Aumento do salário mínimo 2024 e economia de horas extras

Posso Fazer Portabilidade de Salário Mesmo Devendo o Banco?

IGP-DI: Valor Atual e o Acumulado de 2023

IPC-Fipe 2023: Conheça o Índice de Preços ao Consumidor

Descubra Agora: Buser é Confiável? Uma Análise Detalhada

Poupançudo da Caixa: Como Adquirir os Cofres Divertidos?

Finanças para Millennials: um guia passo a passo

Como Declarar Imposto de Renda: Passo a Passo para 2024