Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Como ganhar dinheiro rápido? Confira 20 ideias

Por Camila SilveiraPublicado em

Mesmo que você esteja estabelecido em um outro trabalho, ainda é possível encontrar diversas formas de aumentar a sua renda de maneira rápida. Neste artigo, separamos 20 ideias de como ganhar dinheiro rápido, que podem ser ideais para o seu momento. Continue com a gente e esclareça as suas dúvidas.

Como ganhar dinheiro rápido? Confira 20 ideias

1. Mercado de afiliados

Entrar para o mercado de afiliado é o mesmo que vender produtos de outras pessoas, por meio de uma plataforma online, como a Hotmart ou Monetizze.

Essa venda é realizada pela internet, portanto, você oferece o produto digital, como um e-book ou curso, e o cliente compra de maneira online. Para isso, basta entrar no site de afiliado em questão e se cadastrar. 

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Quer fazer parte desse universo? Saiba o que você gostaria de vender e identifique o seu nicho de mercado. Dessa forma, tudo ficará mais fácil. Fique tranquilo, não será necessário investir absolutamente nada para começar a trabalhar neste segmento.

Caso consiga vender os produtos digitais dos quais se afiliou, você receberá uma comissão e, assim, ganhará dinheiro. Restou alguma dúvida? Confira o artigo O que é e como funciona um programa de afiliados e saiba detalhadamente.

2. Freelancer

Possui algum conhecimento, como escrita, design de imagens, programação, engenharia, entre outros, e acha que pode começar a ganhar dinheiro com isso? Se a sua resposta for positiva, conheça as plataformas, como a Workana, 99Freelas e GetNinjas. Elas podem ser ideais para o seu momento.

Para começar a ganhar dinheiro com aquilo que mais sabe fazer, escolha uma plataforma de freelancer e realize o seu cadastro. Essas empresas reúnem pessoas que precisam, de alguma forma, trabalhar e clientes que procuram por "jobs". De acordo com um relatório Fast 50 do Freelancer.com, os trabalhos mais procurados no segundo trimestre de 2019 foram:

  • Atendimento ao Cliente;
  • Transcrição;
  • Contabilidade;
  • Redação Acadêmica;
  • Processamento de Dados;
  • Desenvolvimento de aplicativos React Native;
  • Análise Estatística;
  • Machine Learning;
  • Assistência Virtual;
  • Algorítmo.

3. Roupas

Diferente do que muitos pensam, a criação do próprio negócio não é uma realidade extremamente distante. Embora seja necessário ter uma certa quantia de dinheiro poupado, para começar a vender roupas ou qualquer outro objeto que seja, basta também seguir um bom planejamento.

O planejamento começa com você determinado um estilo de roupa para vender (é fundamental que seja para um público-alvo bem específico).

Por exemplo: se você é uma mulher com 30 anos, invista em mercadorias para o público feminino com essa mesma faixa etária, pois assim, será possível lidar melhor com as suas clientes e com o mercado.

Feito isso, procure os fornecedores que ofereça o melhor custo-benefício. É importante que as roupas sejam de boa qualidade e que seus valores não ultrapassem o seu orçamento.

Por fim, crie um nome para a sua loja, determine os preços dos produtos, anote todos os gastos e receitas com a ajuda de um aplicativo de finanças e sempre acompanhe o seu capital de giro. É essencial ter uma quantia em dinheiro para suprir as necessidades do seu negócio durante os primeiros meses.

4. Acessórios e perfumes

Assim como a opção citada acima, para vender acessórios, como bijuterias, bolsas, óculos e perfumes, é preciso desenvolver uma excelente estratégia e segui-la à risca.

Portanto, conheça o seu cliente, saiba qual tipo de produto ele gosta e em quais redes sociais ele permanece, para poder divulgar a sua loja. Identifique se você vende mais para mulheres ou homens, saiba quais são suas idades, em quais regiões estão localizados e se são de classe alta, média ou baixa.

Entenda, quanto mais específico for o seu cliente, melhor. Dessa forma, você conseguirá vender os seus produtos com maior êxito. Lembre-se: essa dica vale para todos os segmentos de vendas.

Por fim, organize o seu estoque e deixe a sua vitrine bastante atraente. A sua loja deve ser bem organizada e oferecer o melhor atendimento possível. Assim, os clientes sempre voltarão e recomendarão para outras pessoas.

5. Produtos artesanais

Outra forma de ganhar dinheiro rápido é vendendo produtos artesanais, como sabonetes, caixas decoradas, toalhas, tapetes, chaveiros, quadros, entre muitas outras opções. Há uma série de cursos online, que ensinam os alunos como criar esses tipos de produtos, determinar preços e divulgar nas redes sociais. Confira algumas opções no blog da Foregon:

6. Petiscos e salgados

Como o setor de alimentos e bebidas sempre atraiu muitas pessoas, ele pode ser a opção ideal para você neste momento. Dentro da gastronomia, existe um caminho barato, que pode gerar bons rendimentos: a venda de petiscos e salgados. Quer saber como começar a investir neste ramo? Confira as dicas a seguir.

O primeiro passo é escolher e entender o seu público-alvo. Dessa forma, você saberá qual salgado é melhor para ele (assado ou frito), qual preço poderá cobrar, o melhor horário para vender e como divulgar seu negócio de maneira correta: nas redes sociais ou no boca a boca, por exemplo.

Também será necessário pensar em novidades para os seus clientes, afinal, o mercado de alimentos é bastante concorrido. Pesquise vídeos no YouTube, conheça melhores sugestões de recheios e ofereça também opções para vegetarianos e para quem busca uma alimentação mais saudável e equilibrada.

Por fim, cuide da higiene e da qualidade de seus alimentos e garanta a segurança e fidelidade dos seus consumidores. Ofereça produtos de higiene como álcool em gel, guardanapos e luvas descartáveis em seu estabelecimento, se houver, para seus funcionários e clientes.

7. Lanches e marmitas

Vender marmitas e lanches pode ser uma ideia muito boa para quem deseja começar a ganhar dinheiro extra. Você pode investir na tradicional comida caseira ou criar lanches diferentes e específicos. Lembre-se: opções de comidas saudáveis podem atrair clientes fiéis que cuidam da saúde, até porque existem menos estabelecimentos que trabalham com este segmento.

Para começar, não é necessário um espaço físico. Você pode fazer suas refeições na própria cozinha de casa, desde que tenha uma estrutura mínima, como refrigeradores e armários para estocar as mercadorias, fogão e forno em boas condições e utensílios suficientes. Além disso, é necessário seguir as orientações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

Anote as refeições que deseja oferecer, crie estratégias de divulgação do seu negócio, determine um horário de funcionamento, mantenha o local limpo e organizado, preze pelo armazenamento dos ingredientes e envie seus alimentos bem embalados para evitar contaminação.

8. Doces e guloseimas

Quer aumentar seus lucros de maneira rápida vendendo doces e guloseimas? Vamos apresentar algumas dicas que podem ser úteis para você. 

De imediato, o recomendado é escolher os ingredientes de qualidade, mas que seus valores não ultrapassem o seu orçamento. Afinal, para um produto ser bom, ele não precisa necessariamente ser caro. Ao escolher suas mercadorias com cuidado, os clientes sempre voltarão a fazer negócios com você, principalmente quando falamos de alimentos.

Pense em uma boa apresentação para os seus doces e guloseimas, como a forma deles, sua embalagem, as cores dos doces e, até mesmo, o cheiro. Dessa forma, os clientes terão uma boa impressão sobre o produto e, assim, o levarão para a casa.

Por fim, use a internet a seu favor. Crie um perfil nas redes sociais para divulgar o seu negócio e ofereça um excelente atendimento online. Com o passar do tempo, você poderá criar o seu próprio site e obter maiores fontes de renda.

9. Objetos que não usa mais

Não é difícil encontrar objetos em casa bem conservados, que não são mais utilizados, correto? Se você possui um desses guardado, conheça as plataformas, como Enjoei, OLX e Mercado Livre, que podem te ajudar a vendê-lo para ganhar dinheiro de maneira rápida. Acesse os respectivos sites e aprenda como desapegar desses objetos. 

10. Revenda de produtos 

Cosméticos, perfumes, roupas, acessórios, produtos automotivos e equipamentos para celular são uns dos melhores setores para se trabalhar com revendas. Isso porque possuem uma alta demanda, concorrência e lucratividade. Marcas, como Mary Kay, Natura e Avon são ótimas para quem quer revender cosméticos, por exemplo.

Para começar a ganhar dinheiro neste ramo, é necessário escolher o produto com calma e atentar-se a lucratividade, vender em pequenas lojas da região por causa da baixa concorrência, conhecer os impostos que incidirão, caso os produtos sejam importados e, claro, saber divulgar as vendas nas redes sociais.

11. Pesquisas online

Com o propósito de aperfeiçoar seus atendimentos, algumas empresas disponibilizam questionários e oferecem dinheiro para quem está disposto a responder. No entanto, vale lembrar que cada site fornece uma recompensa diferente, seja pagamento em dinheiro ou em troca de produtos.

Para participar, é necessário realizar um cadastro com seus dados pessoais e informações sobre renda e situação familiar. As empresas ficam responsáveis por manter o anonimato de seus membros e garantem que suas informações não serão vazadas para terceiros. Confira a lista com cinco sites que oferecem essa possibilidade:

12. Aplicativos de transporte privado

Trabalhar com um setor que cada vez mais cresce é essencial para quem deseja garantir estabilidade financeira.

Se você tem um carro em sua garagem, tempo livre e deseja trabalhar como motorista, opte pelos aplicativos de transporte privado. Empresas como Uber, 99Táxi e Cabify são as mais populares do mercado. Conheça detalhes sobre todas essas marcas e escolha aquela que melhor atenda suas necessidades.

13. Reciclagem de produtos

Separar o lixo para a reciclagem, além de ser uma atitude benéfica para o meio ambiente, é uma excelente forma de ganhar dinheiro rápido. As vantagens de reciclar produtos são: 

  • Diminuição do uso de matérias-primas;
  • Diminuição dos impactos negativos no meio ambiente;
  • Geração de emprego e empresas especialistas no ramo.

Além desses benefícios, é possível gerar lucro com a reciclagem. De acordo com dados do Compromisso Empresarial para Reciclagem (Cempre), o Brasil perde mais de R$ 120 bilhões em produtos que poderiam ser reciclados.

É possível ganhar dinheiro com reciclagem, abrindo um brechó de roupas, investindo em artesanatos com materiais descartados, vendendo lixos eletrônicos que acabam ficando em sua casa, por conta de objetos estragados ou criando seu próprio negócio de reciclagem.

14. Animais de estimação

Você ama animais de estimação? Com a DogHero (iOS e Android), é possível obter uma renda, cuidando dos cachorros em casa, passeando com eles ou atuando como pet sitter, que significa babá de animais.

Para se candidatar, é necessário ter 18 anos, passar por um processo seletivo que garante a segurança dos animais de estimação, realizar um curso específico e uma prova para comprovar os conhecimentos técnicos!

15. Fotografias

Vale dizer que o universo da fotografia é bastante concorrido, pois há muitos profissionais oferecendo serviços e cobrando todas as faixas de preço. No entanto, se você ama fotografar, fazer vídeos, e faz isso com muita dedicação e criatividade, poderá garantir uma boa forma de ganhar dinheiro.

É possível ganhar uma renda fotografando para pequenas empresas, como lojas, escritórios ou equipes, dar aulas de fotografias para iniciantes e, até mesmo, criar um blog sobre esse universo. Com o passar do tempo, melhores oportunidades poderão aparecer e a sua renda aumentará cada vez mais.

16. Loja virtual

O comércio eletrônico, além de ser uma opção para quem está iniciando o seu próprio negócio, é uma alternativa para empresas físicas que precisam cortar despesas fixas. Se você está de acordo com uma das condições acima, vamos apresentar algumas dicas sobre como ganhar dinheiro com uma loja virtual.

O primeiro passo é encontrar um bom nicho de mercado, que ofereça menos competitividade e boas taxas de retorno. Para isso, é necessário escolher um segmento que seja muito específico e focado em um número menor de produtos. 

Em seguida, é interessante que você busque se capacitar: conhecer tudo sobre a plataforma da loja virtual, meios de pagamento e segurança das transações. Se achar necessário, conte com um profissional da área.

Por fim, assim como todas as lojas, será necessário investir muito em divulgação e oferecer preços competitivos.

17. Aulas particulares

Se você tem domínio sobre alguma área em específico e quer ganhar uma renda, a Udemy pode ser a opção ideal.

Essa plataforma permite que você ofereça aulas gratuitas ou remuneradas, desde que informe a sua formação e apresente um resumo da aula com descrição do conteúdo didático. Além disso, a Udemy disponibiliza filmagens e edição para que você, instrutor, produza o melhor conteúdo possível.

18. Design Gráfico

Para quem adora criar artes no Photoshop ou Adobe Illustrator, existe a possibilidade de ganhar dinheiro tornando-se um designer gráfico. Busque algum trabalho na área de forma online ou vá até o comércio de sua cidade e veja se alguma empresa está precisando de um serviço relacionado ao design, como logotipo, uniforme ou panfletos.

19. Influenciador digital

Como o Instagram é uma rede social que cresce cada dia mais, é totalmente possível ganhar dinheiro diretamente com ela, apenas tendo um grande número de seguidores. Pode parecer que não, mas essa é uma maneira descomplicada de ganhar dinheiro e estabelecer uma carreira online.

O seu lucro ai depender do tamanho da sua audiência e de como você engaja com ela. Mas, vale lembrar que os rendimentos podem variar entre centenas e milhares de reais por postagem.

Portanto, construa uma audiência com calma, crie conteúdos do seu nicho, e dedique o seu tempo postando seus materiais frequentemente. Com foco e esforço, você conseguirá obter bons rendimentos.

20. Tradutor

Se você conhece outras línguas e gosta de trabalhar com textos, saiba que a tradução é uma excelente oportunidade para começar a ganhar dinheiro. É possível encontrar trabalhos de freelancer ou em plataformas como o LinkedIn.

Com essa profissão, você garantirá uma renda extra, poderá obter contatos com pessoas do mundo todo e, assim, conquistará novas oportunidades.

Dúvidas frequentes

O que vender para ganhar dinheiro rápido?

Para ganhar dinheiro rápido você pode vender objetos que não usa mais, como roupas, sapatos, eletrônicos ou utensílios domésticos.

O que fazer para ganhar dinheiro rápido e honesto?

Para isso, você pode trabalhar como motorista de aplicativos, revender produtos, cuidar de animais de estimação por meio do aplicativo DogHero, dar aulas particulares, responder pesquisas online ou trabalhar como freelancer.

Como ganhar dinheiro vendendo coisas simples?

Se você está antenado no universo da moda, opte por vender roupas e acessórios, como bijuterias, óculos e bolsas. Agora, se tem mais afinidade com a cozinha, comece seu próprio negócio vendendo salgados, lanches, marmitas, doces e guloseimas. Mas não se esqueça: estabeleça uma boa estratégia e um bom planejamento para garantir bons lucros.

Descomplicamos?

Este artigo ajudou você? Esperamos que sim. Qualquer dúvida, deixe um comentário para nós e até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Digio estreia no Apple Pay: veja como ativar

Aplicativos colaborativos: conheça 4 Apps que podem facilitar a sua vida

Oportunidade: 24 empresas abrem vagas de emprego, estágio e trainee

Oportunidade: estão abertas cerca de 3 mil vagas de emprego e estágio

Nubank finalmente chega ao Apple Pay: veja como cadastrar e utilizar

Tem mais de um cartão de crédito? Saiba como controlar as suas finanças

Como ser um motorista de aplicativo 5 estrelas?

E-commerce: 6 erros mais comuns ao vender pelas redes sociais