Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Como pagar o IPVA através do site ou App do Itaú

Por Sabrina VansellaPublicado em

Se você é cliente do Itaú e ainda não sabe como pagar o IPVA pela internet, através do site ou aplicativo, fique tranquilo pois vamos descomplicar para você. Acompanhe a leitura do nosso artigo e descubra como fazer isso seguindo o passo a passo.

Como pagar o IPVA do meu carro?

Para veículos do estado de São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul ou Paraná, o pagamento do IPVA poderá ser realizado tanto no site do Itaú, como no aplicativo (disponível para Android e iOS). Desta forma:

Através do site:

  1. Acesse sua conta informando sua agência, conta corrente e senha eletrônica;
  2. Digite na busca: "Detran";
  3. Em "Pagamentos ao Detran" clique em "continuar";
  4. Selecione o estado do seu veículo e clique em "IPVA";
  5. Siga as instruções e realize o pagamento.

Pelo aplicativo (disponível apenas para veículos de São Paulo):

  1. Abra o aplicativo Itaú e acesse sua conta utilizando sua agência, conta corrente e senha eletrônica;
  2. Toque em "transações";
  3. Clique em "Detran.sp";
  4. Cadastre seu veículo e faça o pagamento.

Pronto! Agora você sabe que é muito simples pagar os impostos do seu veículos através dos canais digitais do Itaú.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Como funciona o aplicativo Itaú?

O App facilita a maneira de cuidar das suas finanças. No App Itaú é possível acompanhar sua conta, fazer transferências e pagamentos sem sair de casa, gerenciar seu cartão de crédito, organizar sua contas e até mesmo investir!

O diferencial que é oferecido pelo banco Itaú está incluso no aplicativo, a função é chamada de "Minhas Finanças". Criado para que você acompanhe seus gastos e se organize financeiramente, com foco em manter o orçamento sob controle.

Com este recurso é possível:

  • Categorizar gastos: você consegue reconhecer seus hábitos financeiros e agrupar suas despesas;
  • Acompanhar gastos: é possível reunir os gastos lançados tanto em conta como dos cartões de crédito;
  • Definir o início do seu mês financeiro: você pode escolher a partir de qual dia quer visualizar seu gastos;
  • Definir sua meta de gastos mensal: você pode definir o orçamento;
  • Editar e criar novas categorias: escolha as categorias exclusivas para organizar seus gastos.

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado com essas informações. Não esqueça de clicar no "like" para nos incentivar. Até breve!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Sabrina Vansella

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos noticiosos e sobre dicas financeiras. Procura simplificar e melhorar a qualidade de vida dos usuários e, para isso, preza por uma pesquisa assídua e uma escrita clara.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Banco Central: quais são suas funções?

Dinheiro físico: conheça seus mitos e verdades

Entenda o que é IPCA e IGP-M e saiba quais as diferenças entre eles

Quanto tempo demora para aumentar o score de crédito?

Banco Central lança ferramenta que faz diagnóstico da saúde financeira do brasileiro; saiba mais

É melhor financiar ou alugar?

Renda ativa e renda passiva: saiba quais são as diferenças entre os dois termos

Tarifas bancárias: o que são?