Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos

Como tirar a segunda via da Carteira de Trabalho

Por Camila SilveiraPublicado em

A Carteira de Trabalho é um dos documentos mais importantes do cidadão, pois ela comprova todo o histórico profissional do colaborador e possibilita que ele desfrute dos benefícios trabalhistas nos dias de hoje e no futuro.

Sendo assim, perder este documento deve causar muita dor de cabeça e é importante lembrar que todo mundo está sujeito a essa situação. Portanto, nós aqui da Foregon vamos ensinar você como solicitar a segunda via da sua Carteira de Trabalho, caso seja necessário.

Como tirar a segunda via da Carteira de Trabalho

Para solicitar a segunda via, você pode fazer o agendamento pelo site do MTE (Ministério do Trabalho), porém essa opção pode estar indisponível em determinados municípios. Se esse for o seu caso, compareça na unidade do Ministério de Trabalho mais próxima ou ligue na Central de Atendimento. 

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Agendamento no site 

  1. Acesse o site do Ministério do Trabalho;
  2. Insira as informações solicitadas;
  3. Em "Tipo de atendimento" selecione a opção "Emissão de Carteira de Trabalho Brasileiro";
  4. Insira o código de segurança e clique em "Prosseguir";
  5. Em seguida, aparecerá a lista de unidades disponíveis em sua cidade;
  6. Escolha a data e o horário de atendimento no ícone do calendário localizado abaixo de "Ações";
  7. Por fim, informe alguns dados pessoais e clique em "Agendar".

Fique atento: caso não haja nenhum horário para o dia que você deseja, o site disponibiliza as datas das próximas vagas disponíveis para você.

Documentos necessários 

  • Comprovantes de residência com CEP: conta de água, luz, telefone, etc;
  • Documento de identificação original: RG ou CNH;
  • Certidão de Nascimento: para solicitantes solteiros;
  • Certidão de Casamento: para solicitantes casados;
  • Outras certidões: para divorciados ou viúvos;
  • Documento que comprove o número da Carteira de Trabalho anterior: extrato do PIS ou FGTS, por exemplo;
  • Carteira de Trabalho: em caso de mau estado de conservação ou quando as folhas de registro acabarem;
  • Boletim de ocorrência original: se for o caso de perda, roubo ou extravio da Carteira de Trabalho.

Documentos necessários para resgatar seus registros antigos

Compareça em um posto do Ministério do Trabalho e tenha em mãos os seguintes documentos:

  • Recibo do recolhimento do FGTS;
  • Homologação (documento formal recebido após a rescisão do contrato);
  • Comprovante de seguro-desemprego recebido;
  • Contra-cheque;
  • Recibo de férias.

Carteira de Trabalho Digital

Você sabia que agora não é mais necessário ter a CTPS (Carteira de Trabalho) física para ser contratado? É isso mesmo! As anotações estão sendo feitas eletronicamente pela empresa e disponibilizadas através do aplicativo da Carteira de Trabalho Digital

Para mais informações, entre em contato através do número 158. As ligações feitas por telefone fixo são gratuitas e por celular é cobrada a tarifa de uma ligação local.

Esperamos ter ajudado. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Você sabe o que é DBE? Descubra agora e aprenda como consultar

Confira 10 dicas para conquistar a casa própria

Conheça a Uniprime

Passo a passo para antecipar o pagamento do Auxílio Emergencial

Confira as perguntas frequentes sobre o jogo da Quina

Acertou a Quina? Saiba quanto receberá de prêmio

Encceja 2021: confira o cronograma

Entenda como funciona o jogo da Quina

  1. Home
  2. Conteúdo
  3. Dicas financeiras