Ir para o conteúdo principal
Foregon.com

E-commerce: 6 Erros mais Comuns ao Vender Pelas Redes Sociais

Escrito por Nara Lima

Atualizado em 

Qualidade editorial: Nosso conteúdo é construído por uma equipe profissional que coloca a dúvida do leitor no centro da sua escrita. Cada autor traz o seu conhecimento para responder e solucionar sua busca, entregando valor por meio da verificação de dados, aprofundamento da pesquisa e reputação do nosso site.

Segurança e privacidade: Somos responsáveis por manter seus dados protegidos quando você acessa nosso site. Trabalhamos com total transparência e respeito ao seu consentimento, colocando você no controle de seus dados. Conheça nossa política de privacidade.

Você possui um e-commerce, mas seus resultados não estão positivos? Então está na hora de começar a avaliar suas abordagens e identificar se você não está cometendo nenhum erro nas redes sociais.

Para te ajudar, separamos os seis erros mais comuns cometidos no e-commerce. Continue a leitura e aproveite.

O que você procura?

6 erros mais comuns cometidos ao vender pelas redes sociais

Usar perfil pessoal em vez de comercial

Usar um perfil pessoal em vez de uma conta comercial é um dos erros mais comuns entre aqueles que estão iniciando o seu e-commerce. Modalidades destinadas à Pessoa Física não contam com acesso a facilidades que auxiliam a mensurar suas vendas e direcionar os seus anúncios.

Tanto no Facebook quanto no Instagram é possível criar contas comerciais, que possibilitam a visualização de diversos pontos importantes para o seu negócio virtual, como métricas e informações a respeito do seu público.

Divulgar o seu produto antes de conhecer seu público

Essa é uma etapa extremamente importante quando o assunto é vendas e redes sociais, afinal, conhecer seu público evita o oferecimento de produtos ou serviços inapropriados aos clientes. Faça uma pesquisa e procure entender seus comportamentos, preferências e necessidades.

Utilize a rede ao seu favor. A dica para entender um pouco mais a respeito do seu público é realizar enquetes, utilizar seus stories e até mesmo deixar caixinhas de sugestões disponíveis aos seus seguidores.  

Usar sua rede social apenas para vender e não divulgar

Não adianta só criar uma conta comercial e fazer postagens sem um planejamento prévio. Isso porque para ter um negócio de sucesso no mundo virtual é importante considerar as melhores estratégias e práticas que geram resultados.

Não poste apenas conteúdos com o objetivo de venda, tenha empatia e mostre que você quer compartilhar conhecimento e dicas com o seu público. Interaja ativamente no seu segmento e diversifique os seus posts.

Para você entender melhor, confira o exemplo a seguir:

Se você tem um e-commerce de roupas, que tal criar ideias de looks, dar dicas de presentes em datas comemorativas e explorar todo o potencial da sua loja? Dessa forma, além de gerar um conteúdo bacana e não maçante, as chances de compartilhamento, ou seja, engajamento, aumentam muito.

Não se atentar a concorrência

Com a utilização das redes sociais para vendas, a comparação entre as lojas, produtos e benefícios se torna um processo mais fácil e prático. Por isso, é essencial entender como seus concorrentes atuam no mercado e, assim, criar formas de se destacar. 

Existem diversas opções de ferramentas online que podem ser utilizadas na comparação de preços. Normalmente, por indicarem as melhores condições, elas são utilizadas na hora do cliente comprar um produto.

Como citamos anteriormente, o segredo para o sucesso é se destacar.

Publicar o mesmo conteúdo em todas as redes sociais

Pode parecer mais fácil compartilhar o mesmo conteúdo em todas as redes sociais, no entanto, utilizar as mesmas publicações em diferentes canais pode não ser muito bem visto pelos olhos dos clientes.

Cada rede social funciona de uma forma distinta, por isso, é interessante se adaptar e entregar conteúdos que mais se encaixam com cada uma delas. Por exemplo: o Instagram utiliza de texto mais curtos e imagens mais chamativas, já o Facebook, na maioria das vezes, costuma ser indicado para textos mais longos e completos.

Descomplicamos?

Esperamos que esse conteúdo ajude a impulsionar o seu e-commerce. Essas e muitas outras dicas sobre o mundo financeiro você encontra aqui no blog da Foregon. Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe seu comentário aqui embaixo.

Até mais!

Compartilhe

Escrito por:

Nara Lima
UX Writer

Formada em Publicidade e Propaganda pela UniFAI, a Nara trabalha com redação profissional desde 2019. Além disso, já trabalhou com atendimento ao público e fez pesquisas para o governo pelo IBGE, aprendizados que leva hoje para sua escrita focada na experiência do usuário da Foregon.