Ir para o conteúdo principal
Foregon.com

Como Funciona o Financiamento de Moto: Guia Completo

Por Camila SilveiraPublicado em

Qualidade editorial: Nosso conteúdo é construído por uma equipe profissional que coloca a dúvida do leitor no centro da sua escrita. Cada autor traz o seu conhecimento para responder e solucionar sua busca, entregando valor por meio da verificação de dados, aprofundamento da pesquisa e reputação do nosso site.

Segurança e privacidade: Somos responsáveis por manter seus dados protegidos quando você acessa nosso site. Trabalhamos com total transparência e respeito ao seu consentimento, colocando você no controle de seus dados. Conheça nossa política de privacidade.

Está pensando em comprar uma moto com condições de parcelamento mais acessíveis para o seu bolso, mas não sabe o que escolher?

Então conheça todos os detalhes sobre o financiamento de moto e veja se essa é a opção ideal para o seu momento!

O que é financiamento de moto?

O financiamento de moto nada mais é do que você emprestar o valor total do veículo do banco e pagar de volta em parcelas mensais com acréscimo de juros e outros encargos.

Normalmente, as parcelas de um financiamento de moto podem chegar a até 36 meses e, por isso, o planejamento de compra deve ser realizado com calma para que tudo fique dentro do previsto.

Como funciona o financiamento de moto?

A partir do momento em que você solicita o financiamento, já sabendo qual é o modelo da moto e onde pretende comprá-la, o banco realiza uma análise de crédito do seu perfil, que leva em consideração informações como o seu histórico de pagamentos, a sua relação com o crédito e os seus hábitos de consumo.

O objetivo do banco com essa análise é entender se você tem condições de pagar a dívida e oferecer as melhores condições de acordo com o seu perfil.

Caso o crédito seja liberado, o banco paga a loja onde você vai comprar a moto e você paga as prestações todos os meses à instituição, com o acréscimo de juros e outros encargos, até quitar o valor total que deve.

É importante lembrar que, ao atrasar o pagamento das prestações, o banco pode cobrar juros, multas por atraso e outros encargos. Além disso, pode tomar a sua moto, caso você atrase o pagamento por mais de três meses.

De maneira resumida, o financiamento permite que você faça a compra da moto na hora, mesmo sem ter o dinheiro todo.

Porém, você também pode dar um valor de entrada e diminuir o valor das parcelas, caso não queira comprometer muito o seu orçamento.

Só não se esqueça: alguns bancos cobrem o valor total do veículo e outros pagam, pelo menos, 10% de todo o valor. Conheça e compare todas as opções disponíveis para escolher aquela que melhor atende às suas necessidades.

Vantagens do financiamento de moto

A principal vantagem do financiamento de moto é que ele não exige que o cliente tenha o valor total do veículo para comprá-lo.

Além disso, não é necessário juntar dinheiro por meses ou anos para adquirir uma moto, o que é um ponto positivo, principalmente quando se trata de uma urgência.

Outra vantagem está na possibilidade de financiar a moto sem precisar dar uma entrada. No entanto, vale lembrar que, nesse caso, os juros cobrados podem ser mais altos, aumentando o valor da parcela.

Antes de solicitar um financiamento, você também tem espaço para pesquisar e comparar todas as taxas e custos praticados no mercado para escolher a melhor opção para você.

Sem contar que também é possível simular o financiamento da sua moto antes de fechar negócio e verificar se aquela dívida realmente está de acordo com o seu orçamento.

Cuidados na hora de financiar uma moto

Apesar de ser uma boa alternativa, o financiamento de moto pode causar grandes dores de cabeça, caso o solicitante não tome alguns cuidados. Veja como se prevenir:

  • Tome cuidado com golpes: nenhum banco ou concessionária solicita valores antecipadamente para liberar a compra da moto. Sendo assim, no momento de realizar o seu financiamento, busque concessionárias e bancos conhecidos e de confiança;
  • Faça um bom planejamento financeiro: planejar as suas finanças com antecedência para entender como anda a sua saúde financeira é essencial antes de realizar um financiamento de moto para não causar dívidas, entre outros prejuízos;
  • Leve em consideração a taxa de financiamento: essa taxa influencia no custo de aquisição do veículo e, se for alta demais, pode tornar a dívida muito mais cara do que o previsto;
  • Verifique o Custo Efetivo Total (CET): esse custo também está presente nas operações relacionadas a crédito e indica o valor total que realmente deve ser quitado, já considerando todas as taxas de juros e encargos;
  • Não se esqueça da manutenção: por fim, mas não menos importante, lembre-se de que uma moto também pode trazer despesas frequentes, como combustível, manutenção, compra de acessórios, entre outros. Veja se isso está dentro do seu orçamento e tome a melhor decisão.

Financiamento de moto usada: como fazer?

Agora, se você não pretende comprar uma moto zero km e está pensando em financiar uma moto usada, veja como proceder da melhor forma:

  1. Escolha a moto e onde deseja comprar;
  2. Vá até uma instituição financeira que ofereça boas condições para você;
  3. Reúna documentos, como: RG, CPF e comprovantes de renda e residência no momento de assinar o contrato;
  4. E se possível, guarde um dinheiro para dar de entrada.

É importante que o seu nome esteja limpo nos órgãos de proteção ao crédito, como SPC ou Serasa, para aumentar as suas chances de aprovação.

Quem pode fazer financiamento de moto?

Qualquer Pessoa Física pode financiar uma moto, mas a aprovação depende de uma análise de crédito, que varia conforme a instituição financeira.

Essa avaliação considera o score de crédito, hábitos de consumo e histórico de pagamento do indivíduo, além de analisar sua renda para verificar a capacidade de pagamento da dívida.

Negativados podem financiar moto?

Como dissemos anteriormente, os bancos e as financeiras realizam uma análise de crédito para conceder o financiamento. Sendo assim, quem está negativado pode não conseguir aprovação.

Como simular o financiamento de moto?

Para simular o financiamento de moto, você pode acessar o site oficial do banco de sua preferência, preencher um cadastro com todos os seus dados e verificar quais são as taxas e condições oferecidas.

Dessa forma, torna-se possível avaliar se esse é um bom negócio para você.

Quanto de score precisa para financiamento de moto?

O ideal é que você tenha um score de crédito de, pelo menos, 500 pontos. Quanto maior for a sua pontuação, maiores serão as suas chances de conseguir aprovação.

Caso não saiba quanto é o seu score, na Foregon você pode fazer essa consulta de forma rápida e gratuita!

Score Grátis é na Foregon!

Monitore seu CPF e proteja seu nome contra fraudes.

Consultar CPF grátis
⭐⭐⭐⭐⭐ + 2.848.551 pessoas já consultaram

Perguntas Frequentes

O que é necessário para financiar uma moto?

Para financiar uma moto, é preciso apresentar documentos de identificação, comprovantes de renda e residência. Além disso, passar por análise de crédito.

É vantagem financiar uma moto?

Financiar uma moto pode ser vantajoso para quem precisa do veículo rapidamente e não possui o valor total. Entretanto, juros e taxas aumentam o custo final.

Como funciona o processo de financiamento de motos?

O processo de financiamento de motos envolve escolher a moto, negociar com a concessionária, realizar a análise de crédito, e, após aprovação, assinar o contrato de financiamento.

Compartilhe

Escrito por:

Camila Silveira
Redatora júnior

Seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.