Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Maioria dos consumidores pesquisam para fazer as compras de fim de ano

Por Janaína TavaresPublicado em

Você tem o hábito de pesquisar um produto ou serviço pela internet antes de decidir se vai comprá-lo ou não? Saiba que isso é uma tendência nas compras de fim de ano, entre os brasileiros entrevistados por uma pesquisa realizada pela Foregon. Veja mais detalhes, logo a seguir.

Por que os consumidores pesquisam antes de comprar?

Para chegar nesta resposta, o levantamento da fintech ouviu 1.192 pessoas entre os dias 12 a 19 de dezembro de 2019. Vale destacar que a pesquisa possui um nível de confiança de 95% com uma margem de erro de 2,8 pontos percentuais.

Dito isto, foi verificado que 38,6% dos consumidores compraram algum item na Black Friday 2019, sendo que 61,5% aproveitaram as ofertas em novembro para adiantar as compras de fim de ano.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Contudo, neste mesmo público, 86.6% afirmaram que pretendem fazer mais compras. Outro dado que chama a atenção no estudo se refere à preferência das pessoas em adquirirem os serviços e produtos por meio das lojas físicas.

Porém, 72.5% pesquisam o preço do produto antes de fazer a compra nas lojas físicas. Isso significa que o recursos online fazem parte da jornada de aquisição dos brasileiros.

As fontes de informação para encontrar as melhores ofertas

Segundo o estudo, dentre os brasileiros que pesquisam o preço do produto antes das compras de fim de ano, as ferramentas mais utilizadas são:

Comparadores de preço 23,1%
Sites de busca  19,9%
Redes sociais 14,5%
Outro 13,3%
E-mails do sites que a pessoa já é cadastrada 11,7%
Indicação de amigos  9,7%
Propaganda de TV  7,7%

Conheça a pesquisa da Foregon

O questionário da Foregon teve a finalidade de mapear a intenção de compra dos consumidores para o fim do ano e entender os fatores que influenciam suas decisões de aquisição.

Além disso, também buscou compreender se a Black Friday interfere ou não no comportamento dos entrevistados.

Vale ressaltar que, dentre os que responderam a pesquisa, a faixa etária de 25 a 44 anos foi a maioria, somando 53,1%. Por outro lado, a região do Brasil que mais teve representatividade foi o Sudeste porque concentrou 31,3% dos entrevistados, acompanhado do Nordeste com 28,4% e Sul, com 17,1%.

Você vai gostar de ler

Antes de ir, que tal ver outros conteúdos que podem tornar a sua experiência de compra mais simples e tranquila?

Descomplicamos?

Agora queremos te escutar! Conte pra gente como você faz a sua pesquisa para fazer as compras de fim de ano? Quais os pontos que você avalia? Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Janaína Tavares

Jornalista e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, a Janaína (ou Jana). Como redatora, ama os conteúdos sobre dicas financeiras. Preza pela checagem de todas as informações e o conteúdo perfeito para ela, é aquele que ajuda o leitor a resolver um problema, ensinando e orientando o leitor a tomar a melhor decisão.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

85% das pessoas que instalam apps dos bancos digitais não viram clientes, diz pesquisa

Consumidor busca banco digital pela baixa burocracia, diz pesquisa

Conheça 15 aplicativos que vão te ajudar a economizar

Mais brasileiros montaram reserva de emergência durante a pandemia

Comparativo: Nubank Ultravioleta ou C6 Carbon?

Pesquisa aponta que número de jovens que se tornaram MEIs na pandemia aumentou

Gig economy: conheça o novo modelo de trabalho

Como o aumento do dólar pode impactar sua vida em 2021?