Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Mercado de Capitais: o que é e como investir nele?

Por Janaína TavaresPublicado em

O mercado de capitais é um segmento conhecido por intermediar negociações entre quem tem dinheiro para investir e de quem precisa captar esses recursos para financiar projetos. Caso você já tenha ouvido falar desse termo, mas não sabe ao certo como ele funciona na prática, acompanhe a leitura do nosso artigo.

O que é o mercado de capitais?

O mercado de capitais faz parte da estrutura financeira do país, mas não pode ser considerado como um tipo de empréstimo ou crédito.

Isso porque ele não acontece por meio de operações tradicionais, mas sim através da negociação de ativos, como as ações e os debêntures.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Tipos de mercado no sistema financeiro

Além do mercado de capitais, existem mais três tipos de mercado dentro do sistema financeiro do Brasil. Conheça todos eles, logo a seguir:

  • Mercado monetário: por meio desse mercado, as transferências bancárias acontecem em um curto prazo de tempo;
  • Mercado de crédito: este é um dos mais conhecidos, pois ele engloba todos os empréstimos realizados em conjunto com as instituições financeiras, seja para consumo próprio ou capital de giro;
  • Mercado de câmbio: fala sobre o mercado responsável pelas transações envolvendo moedas estrangeiras.

Como funciona o mercado de capitais?

O mercado de capitais é um importante mecanismo para nossa economia, já que ele estimula os investidores que estão em busca de ganhar rendimentos e, ainda, facilita a captação de recursos pelas empresas.

Isso significa que ele ajuda tanto as pessoas que tem dinheiro para gastar como aquelas que precisam de recursos para manter os negócios.

Quando falamos no funcionamento do mercado de capitais, não podemos deixar de lado alguns fatores que estão diretamente ligados a ele: sua função de distribuir ativos emitidos por empresas e o órgão responsável por regular e fiscalizar esse mercado.

Quais são os principais ativos do mercado de capitais?

  • Ações: quando você compra uma ação se torna sócio do negócio, ou seja, representa uma participação em uma empresa de capital aberto;
  • Commercial Papers: títulos de curto prazo, com retorno do investimento em 30 dias, emitidos por empresas com o objetivo de captar recursos diretamente com quem deseja investir;
  • Debêntures: títulos de dívida de longo prazo. Uma espécie de empréstimo, mas neste caso é a empresa que está solicitando o crédito a você.

Qual o órgão que fiscaliza o mercado de capitais?

O responsável pela fiscalização e regularização do mercado de capitais é a Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Sendo assim, é ela que garantir o bom funcionamento desse segmento, proporcionando um ambiente de negociação transparente e seguro.

Ainda mais porque os ativos negociados nesse mercado são de renda variável e possuem um risco maior.

Aprenda a investir no mercado de capitais

Para iniciar sua jornada de investimentos dentro do mercado de capitais, preparamos algumas dicas que, com certeza, farão a diferença para você nesse momento:

  • Saiba qual é o seu perfil de investidor e sua propensão aos riscos, já que o mercado de capitais trabalha principalmente com ativos de renda variável;
  • Defina seus objetivos e metas para saber exatamente quanto você vai investir, quais serão os títulos escolhidos e por quanto tempo você irá aplicar;
  • Escolha uma boa corretora de valores, buscando sempre por empresas com credibilidade e que oferecem todo o suporte necessário para o investidor;
  • Abra sua conta na corretora de valores e transfira seu dinheiro para ela. Feito isso, basta optar pelos melhores ativos para você começar a investir.

Conteúdos úteis para você

Antes de ir, que tal conhecer outros artigos da Foregon? Veja, logo abaixo, as indicações de leitura:

Descomplicamos?

Esperamos que você tenha gostado do nosso conteúdo. Qualquer pergunta a respeito do mercado de capitais, envie seu comentário para que possamos responder assim que possível. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Janaína Tavares

Jornalista e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, a Janaína (ou Jana). Como redatora, ama os conteúdos sobre dicas financeiras. Preza pela checagem de todas as informações e o conteúdo perfeito para ela, é aquele que ajuda o leitor a resolver um problema, ensinando e orientando o leitor a tomar a melhor decisão.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

O que avaliar antes de escolher uma corretora de investimentos

O código é lei: entenda as plataformas de contratos inteligentes

Tecnologia: vale a pena investir no setor?

Confira 4 investimentos que te protegem da inflação

O que é e como funciona o crédito privado?

Diferença entre data de vencimento e carência em investimentos de Renda Fixa

O que são investimentos alternativos e quais as vantagens na diversificação do seu portfólio?

O que avaliar antes de comprar uma ação?