Ir para o conteúdo principal
Foregon.com

Salário Mínimo 2023 sobe de R$ 1.302 para R$ 1.320; Confira

Por Camila SilveiraPublicado em

O reajuste do salário mínimo é sempre uma notícia importante para milhões de trabalhadores em todo o país, e em 2023 não será diferente. O presidente Lula estabeleceu um aumento de R$ 18 no valor atual, elevando o salário mínimo para R$ 1.320.

Essa mudança foi determinada através da Medida Provisória (MP) 1.172/2023, publicada em edição extra do Diário Oficial da União. Com o aumento, o valor diário do salário mínimo passa a ser R$ 44 e o valor horário, R$ 6.

O aumento real do salário mínimo foi de 2,8%, o que trará um impacto positivo para muitos brasileiros. Além disso, o Congresso Nacional recebeu recentemente o projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2024, que prevê um salário mínimo de R$ 1.389 para o próximo ano. Com essas mudanças, é importante ficar atento às atualizações e se preparar para o impacto nas finanças pessoais.

O que você procura?

Impactos do reajuste do salário mínimo nos brasileiros

De acordo com um estudo divulgado pela Dieese, um instituto de pesquisa, cerca de 22,7 milhões de pessoas no Brasil serão diretamente impactadas pelo aumento do salário mínimo. Além disso, outras 31,3 milhões de pessoas serão afetadas de forma indireta. Isso significa que, ao todo, 54 milhões de brasileiros serão impactados pelo reajuste, o que representa aproximadamente 25,4% da população do país.

É importante destacar que o aumento do salário mínimo é significativo para a economia brasileira, já que muitos trabalhadores recebem remunerações próximas a esse valor. Porém, cerca de 158,5 milhões de pessoas não serão impactadas pela mudança, já que recebem salários acima desse valor.

Setores impactados

Segundo o estudo, diversos grupos serão diretamente impactados, como os empregados do setor privado e público com carteira assinada, incluindo os trabalhadores domésticos, além dos servidores públicos estatutários. Também serão afetados pelas mudanças aqueles que recebem aposentadoria, pensão ou Benefício de Prestação Continuada (BPC) com valor igual ou inferior ao salário mínimo.

O estudo ainda aponta que os efeitos do reajuste não se limitam a esses grupos, mudando também a vida de milhões de trabalhadores informais, aposentados e pensionistas do INSS, bem como daqueles que recebem benefícios assistenciais da Lei Orgânica da Assistência Social (Loas), como o BPC.

Além disso, o Dieese destaca que existem grupos formados por pessoas que vivem em domicílios, onde há pelo menos um indivíduo diretamente impactado pelo reajuste do salário mínimo.

O novo salário mínimo 2023 é realmente suficiente?

Analisando o novo valor, que teve um aumento de R$ 18, podemos afirmar que há uma pequena melhora em relação ao valor anterior. Entretanto, essa quantia não é tão significativa quando consideramos a realidade dos trabalhadores brasileiros, que muitas vezes enfrentam dificuldades para garantir um padrão de vida adequado mesmo trabalhando em tempo integral.

Com o salário mínimo sendo a remuneração mínima que um trabalhador deve receber por seu trabalho, é essencial que eles criem um planejamento financeiro eficiente para maximizar os recursos disponíveis e evitar o endividamento. Assim, torna-se possível se organizar para garantir uma melhor qualidade de vida.

Salario mínimo 2023: como viver com R$ 1.320?

É importante lembrar que o salário mínimo é o menor valor pago a um trabalhador registrado e, portanto, muitas pessoas recebem remunerações mais altas. No entanto, para aqueles que dependem exclusivamente do salário mínimo, é necessário planejamento financeiro e adaptação ao novo valor.

Uma das dicas para viver com esse valor é revisar os gastos mensais e cortar despesas desnecessárias. É importante também priorizar o pagamento de contas básicas, como água, luz, telefone e aluguel, e buscar por alternativas mais econômicas para alimentação e transporte.

Além disso, é essencial estar atento a possíveis programas sociais e benefícios governamentais que possam ajudar a complementar a renda. Com planejamento e organização, é possível viver com o salário mínimo e garantir uma vida financeira mais equilibrada.

Gostou do conteúdo?

No Portal da Foregon você pode conferir diversos conteúdos sobre finanças e economia, bem como consultar o seu score de crédito de forma totalmente gratuita. Consulte o seu CPF agora mesmo e receba recomendações personalizadas de cartão de crédito, conta digital e empréstimo. É rápido, fácil e totalmente seguro!

Consulte seu CPF grátis e receba as melhores ofertas!

Monitore seu CPF e proteja seu nome contra fraudes.

Consultar CPF grátis
⭐⭐⭐⭐⭐ + 2.848.551 pessoas já consultaram

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Leia também

Aumento do salário mínimo 2024 e economia de horas extras

Posso Fazer Portabilidade de Salário Mesmo Devendo o Banco?

IGP-DI: Valor Atual e o Acumulado de 2023

IPC-Fipe 2023: Conheça o Índice de Preços ao Consumidor

Descubra Agora: Buser é Confiável? Uma Análise Detalhada

Poupançudo da Caixa: Como Adquirir os Cofres Divertidos?

Finanças para Millennials: um guia passo a passo

Como Declarar Imposto de Renda: Passo a Passo para 2024