Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Qual a diferença entre economizar, poupar e investir?

Por Nara LimaPublicado em

Alguma vez na vida você já deve ter ouvido falar sobre educação e controle financeiro, certo? Provavelmente, já sabe que para ter o controle de suas finanças é preciso manter o equilíbrio entre quanto você ganha e quanto gasta mensalmente.

A educação financeira é a melhor opção para que você não termine o mês no vermelho e acabe com o nome sujo. No entanto, mais do que ter noção sobre seus gastos, é importante entender a diferença entre economizar, poupar e investir. Você sabe definir cada uma dessas etapas? 

Para te ajudar a entender tudo sobre o assunto, preparamos este artigo explicando detalhadamente o que é cada um deles. Vamos lá?

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Qual a diferença entre economizar poupar e investir?

Como citamos anteriormente, para estar em dia com as finanças é preciso manter um equilíbrio entre gastos e ganhos. E, para isso, o primeiro passo é entender qual a necessidade de investir, economizar e poupar. Aproveite a leitura!

Economizar

Vamos começar pelo tópico economizar. Afinal, o que ele significa? Economizar quer dizer não gastar dinheiro de forma desnecessária, ou seja, evitar realizar compras supérfluas, e adquirir apenas o que é necessário.

Quando esse é o assunto, outro ponto importante faz toda a diferença no fim do mês: a pesquisa. Por exemplo: optar por produtos mais baratos ao ir ao supermercado ou comprar alguma mercadoria que esteja na promoção. 

Resumidamente, podemos dizer que economizar é pagar um preço mais barato em itens de boa qualidade.

Poupar

Dando sequência aos nossos tópicos, vamos te explicar o que é poupar. Muitas pessoas confundem economizar com poupar, se você é uma delas, saiba que essas duas palavrinhas possuem significados diferentes. 

Poupar é o ato de guardar uma parte do dinheiro que se ganha. Não importa qual seja a quantia, o que vale é guardar uma grana, em vez de gastá-la com algo não tão necessário. Você notou a ligação entre poupar e economizar? Quando você economiza, consegue reduzir custos que ajudam a resguardar parte do seu salário para poupá-lo. 

De forma sucinta, poupar significa reservar parte do dinheiro que foi ganho no mês e não usá-lo em nada.

Investir

Se você chegou até aqui, já entendeu a relação entre economizar e poupar, mas e investir, onde entra nessa história? Esses passos te ajudam a guardar uma quantia de dinheiro que pode ser investida e gerar lucros.

Apesar de estar no último tópico da lista, esse é um ponto tão importante quanto os outros, pois você estará valorizando seu dinheiro ainda mais. Logo, podemos chegar a conclusão que esse ato fará com quem a quantia que foi poupada e economizada se multiplique.

Economizar, poupar e investir: a realidade brasileira

Segundo a pesquisa da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiros e Capitais (Anbima), 56% dos brasileiros não têm o costume de poupar e nem possuem uma reserva financeira. Os números são ainda maiores quando o assunto é investimento, já que 75% dos entrevistados não realizam nenhum tipo de aplicação.

De acordo com informações disponibilizadas pela B3, a bolsa brasileira, apenas 3% da população investe em ações, e esse número vem diminuindo desde 2017. Isso acontece porque no Brasil prevalece um comportamento financeiro imediatista, ou seja, o que se ganha, se gasta.

Essa atitude faz com que muitos brasileiros busquem alternativas não tão vantajosas para quitar suas dívidas, como a solicitação de empréstimos e até mesmo o cheque especial. Contudo, essa "facilidade" conta com um problema que pode prejudicar ainda mais a vida do solicitante: os juros, que são altos.

Para tentar lidar com a situação, os brasileiros buscam alternativas como empréstimos ou cheque especial para tentar amenizar as dívidas. No entanto, a facilidade de obter "essas saídas" contrasta com outro problema gravíssimo: os juros.

Poupar e investir: como começar?

Entender a importância do dinheiro é fundamental para que se possa garantir uma melhor qualidade de vida. Afinal, todo nosso meio gira em torno do dinheiro, concorda?

Ainda que muitos tentem economizar e poupar, alguns imprevistos costumam surgir e essas situações podem se tornar um problema. Por isso é tão importante seguir as três etapas: economizar, poupar e investir! 

Separamos algumas dicas valiosas para você começar a cuidar da sua saúde financeira da melhor forma. Continue a leitura.

Como economizar?

Antes de sair poupando e cortando gastos, é importante entender a sua realidade financeira, já que cada indivíduo possui condições únicas. No entanto, é possível seguir algumas dicas para começar:

  • Anote e controle de todo o dinheiro que entra e sai mensalmente;
  • Use planilhas para fazer a gestão desses valores;
  • Identifique e corte gastos desnecessários;
  • Pague as contas em dia e evite juros;
  • Se possível, obtenha outras fontes de renda.

Como poupar?

Como citamos anteriormente, quando você começa a economizar, fica mais fácil poupar, pois sobra um dinheiro a mais no fim do mês. Com as contas em dia e sem o aperto de antes, é possível dar início a uma reserva.

Vale frisar que a quantia economizada não é para cobrir gastos supérfluos, mas sim para deixá-la "intocável". Uma dica para não cair na tentação de gastar a grana extra é colocá-la em uma poupança.

Como investir?

Agora que você tem o dinheiro poupado, não basta deixá-lo apenas guardado, certo? A inflação pode causar uma desvalorização do mesmo, o que não é muito vantajoso. Vamos te explicar melhor esse tópico.

Como os dados da bolsa brasileira, a B3, indicaram, grande parte da população ainda é leiga sobre o assunto. Se você quer começar a investir, mas não sabe como começar, não precisa se desesperar. Comece aos poucos, aplicando seu dinheiro em ativos por meio de instituições financeiras, como bancos e corretoras.

Uma opção de investimento para iniciantes é a renda fixa, como títulos do Tesouro DiretoCDBs e CDI

Comece aos poucos, mas comece!

Conseguir fazer com que sobre um dinheiro no final do mês é algo bem difícil, principalmente com desigualdade social a situação econômica atual no país. No entanto, entender a diferença entre economizar, poupar e investir é o primeiro passo para começar.

Descomplicamos?

Esperamos que esse conteúdo seja útil para sua vida financeira e te ajude a lidar melhor com o seu dinheiro. Afinal, descomplicar o mundo das finanças e torná-lo mais simples seu entendimento é o nosso principal objetivo.

Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe seu comentário aqui embaixo. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Nara Lima

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, gosta de escrever sobre educação financeira. Preza pela facilidade da leitura e pela checagem das informações, buscando produzir um conteúdo de leitura simplificada e que sane as dúvidas do leitor.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

6 livros sobre empreendedores brasileiros de sucesso

O que é um aporte financeiro? Entenda seu funcionamento

O que é DeFi: o novo formato das finanças

Vai negociar suas dívidas? Entenda qual a importância do planejamento financeiro

Economia: expectativas para o Brasil em 2022 estão piorando

Estorno e cancelamento de compras: entenda a diferença

Qual a diferença entre economizar, poupar e investir?

Juros compostos: o que são e como afetam a sua vida financeira?