Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Rodízio SP: qual é o valor da multa e como funciona?

Por Camila SilveiraPublicado em

Toda vez que o cidadão sai de carro pela capital paulista no dia de restrição de seu veículo, ele recebe a multa de rodízio SP. Sendo assim, ao ser surpreendido pelo agente da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) ou pelo radar eletrônico, o motorista deve pagar essa multa de gravidade média, no valor de R$ 130,16.

A política do rodízio da cidade de São Paulo tem como objetivo controlar o número de automóveis nas ruas para, assim, evitar muito trânsito nos horários de pico. De segunda a sexta-feira, aproximadamente 20% da frota de carros e caminhões da grande metrópole fica proibida de circular na cidade.

Qual é o valor da multa de rodízio SP?

O valor da multa é de R$ 130,16. Se o condutor infringir a lei, ele deve pagar esse valor e levar quatro pontos na carteira de habilitação. De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), transitar com o carro em locais e horários não permitidos pela regulamentação é uma infração média.

Entenda como a multa de rodízio funciona

Tudo depende do final da placa do carro. Cada dia da semana, duas placas são impedidas de transitar pelo centro expandido de São Paulo durante boa parte da manhã e da tarde/noite. Entenda detalhadamente:

Dia da semana Segunda-feira Terça- feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira
Finais de placas que não podem circular 1 e 2 3 e 4 5 e 6 7 e 8 9 e 0

Vale ressaltar que o horário do dia também deve ser levado em consideração, afinal, o rodízio SP só funciona em dois únicos momentos: na manhã, das 07h às 10h, e no final da tarde/começo da noite, das 17h às 20h.

Homem desconfiado com a mão no queixo

Com o seu score calculado, você descobre o produto financeiro ideal para você!

Calcule o seu score de forma gratuita, rápida e segura e tenha acesso a centenas de cartões de crédito e outros produtos financeiros.
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

Sendo assim, mesmo que seja o dia de rodízio de uma pessoa, ela pode circular com o carro pela região do centro expandido de SP durante os intervalos de livre circulaçao.

Rodízio Horário
Livre circulação 00h01 às 6h59
Rodízio ativo 07h00 às 10h00
Livre circulação 10h01 às 16h59
Rodízio ativo 17h00 às 20h00
Livre circulação 20h01 às 00h00

Além disso, vale lembrar que não são todas as ruas e avenidas de São Paulo que fazem parte do rodízio.

Como foi dito anteriormente, a zona é apenas a região do centro expandido da capital paulista. Melhor dizendo, desde a Mooca (Zona Leste) até a Vila Leopoldina (Zona Oeste) e, da Saúde (Zona Sul) até o Bom Retiro (Zona Norte).

As avenidas que estão no limite desse mapa e fazem a margem da zona de rodízio são:

  • Marginal Pinheiro (Zona Oeste);
  • Avenida Salim Farah Maluf (Zona Leste);
  • Avenida dos Bandeirantes (Zona Sul);
  • Marginal Tietê (Zona Norte).

Quem tem direito à isenção do rodízio SP?

De segunda a sexta-feira, os carros e caminhões possuem a circulação restrita. Aos sábados, domingos e feriados, o rodízio é suspenso. Além disso, vale ressaltar que a restrição não se aplica a motocicletas, táxis, transporte escolar, guinchos, veículos de serviços essenciais e de emergência.

Como evitar a multa de rodízio?

Não tem segredo: a melhor forma de evitar a multa de rodízio SP é não transitar por São Paulo durante os horários de restrição. Caso você tenha compromissos para cumprir no dia a dia e realmente precise do carro, o mais recomendado para evitar a multa é ficar atento aos horários de restrição.

Quantos minutos de tolerância tem o rodízio?

Pelo fato da política de rodízio SP ser extremamente rigorosa, não existe tolerância. Se o rodízio começar às 07h da manhã e um motorista com a placa do dia for encontrado na região do centro expandido às 07h01, ele será multado.

Como saber se você tomou multa de rodízio?

Você pode descobrir se foi multado no aplicativo Zul+, disponível para celulares Android e iPhone (iOS). O App permite que você descubra se levou a multa de rodízio SP ou qualquer outra, tudo de maneira simplificada, rápida e segura.

Para isso, basta adicionar o seu veículo no aplicativo e consultar as suas infrações de trânsito. Muito simples, não é mesmo? Outra forma de descobrir se você foi multado é acessando o portal do Detran-SP.

É possível ser multado mais de uma vez no rodízio SP?

Sim, um mesmo motorista pode ser multado duas vezes ao longo do mesmo dia. Primeiro, na parte da manhã e, depois, na parte da noite. Melhor dizendo, o condutor só vai ser multado mais de uma vez no dia do rodízio se sair com o seu carro nos dois horários de restrição.

Um mesmo carro não será multado mais de uma vez no mesmo período, ou seja, se um motorista sair de manhã no dia do seu rodízio, for multado e depois encontrar novamente com um agente de trânsito neste mesmo período, ele não será multado novamente.

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado você com esse conteúdo. Em caso de dúvidas ou sugestão, basta deixar o seu comentário para nós. Até a próxima! 🙂

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Inter oferece 12% de cashback nas compras feitas na Amazon

Banco do Brasil lança financiamento de iPhone em até 60X

Caixa reduz parcelas de financiamento durante licença maternidade

FGTS poderá ser utilizado para compra de casa popular em 2023

Foregon marca presença no StartupON compondo time de empreendedores da região Oeste do Estado de São Paulo

Ganhe 4% de investback com o cartão XP para abastecer seu veículo

Auxílio Brasil cancelado: conheça os principais motivos

Distrito e Foregon promovem um seminário gratuito sobre Educação Financeira para negócios