Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Transferência de financiamento de carro: saiba como fazer

Por Sabrina VansellaPublicado em

O financiamento de carro costuma ser longo e a partir de um determinado período, as parcelas podem não se encaixar no seu período de vida. Por isso, se você encontrou algum comprador para o seu veículo, saiba que é possível fazer a transferência de financiamento de carro. Continue a leitura do artigo e descubra como!

O que você procura?

Como fazer transferência de financiamento de carro?

Apesar de ser um processo burocrático, o financiamento de carro é muito comum nas vida de diversos brasileiros. No entanto, existem alguns pré-requisitos para completar a transação. Confira:

  • A transferência de financiamento de carro só pode ser feita entre duas Pessoas Físicas ou duas Pessoas Jurídicas;
  • É preciso ter pago uma quantidade mínima de prestações de acordo com a instituição financeira.

Se você já se informou sobre a quantidade mínima de prestações para conseguir fazer a transferência com a instituição financeira, basta entrar em contato com o banco e apresentar informações sobre o novo pagador. A partir disso, a instituição financeira avaliará o histórico de crédito do comprador e solicitará alguns documentos, como:

  • Cópia original de algum documento pessoal, como RG ou CNH, por exemplo;
  • Cópia do comprovante de endereços dos últimos três meses no nome do comprador ou parente próximo de 1º grau;
  • Documento original do Certificado de Registro de Veículo (CRV) do proprietário anterior, preenchido em nome do comprador. É preciso reconhecer firma do vendedor e do comprador;
  • Comprovante de pagamento da Taxa de Emissão do novo CRV;
  • Comprovante de quitação de eventuais débitos, como IPVA, licenciamento e multas;
  • O laudo de vistoria que foi realizado em local credenciado pelo Detran;
  • O formulário RENAVAM preenchido em duas vias.

Importante: é válido dizer que o veículo não pode ter nenhuma conta em atraso, tanto de multas quanto de impostos.

Vale a pena fazer transferência de financiamento de carro?

Tudo depende da situação atual do dono do veículo, em algumas situações pode ser mais vantajoso quitar o financiamento para depois realizar a venda do carro, mas se você precisa do dinheiro com urgência, transferir o financiamento pode ser uma boa solução.

Por outro lado, sempre fique atento a possíveis riscos ao fazer uma transferência de financiamento de carro, pois em acordos verbais você poderá negativar o seu nome e sofrer uma ação judicial caso o novo comprador não pague as parcelas.

Informamos?

Esperamos que esse artigo tenha te ajudado de alguma maneira a entender a transferência de financiamento de carro, caso tenha restado alguma dúvida faça um comentário. Não se esqueça de consultar o seu CPF e receber indicações de produtos e serviços financeiros gratuitamente:

Consulte seu CPF grátis e receba as melhores ofertas!

Mais de 300 opções entre cartões de crédito, contas e empréstimos.

Consultar CPF grátis
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Até mais!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Sabrina Vansella

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos noticiosos e sobre dicas financeiras. Procura simplificar e melhorar a qualidade de vida dos usuários e, para isso, preza por uma pesquisa assídua e uma escrita clara.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Foregon: Como Funciona a Solicitação de Empréstimos?

Empréstimo Débito em Conta [O que é, Características, Taxas]

Empréstimo com Dinheiro Guardado Nubank: Como Contratar?

Como usar seu Terreno como Garantia para Obter um Empréstimo

Empréstimo imobiliário: dicas para contratar

Beneficiários do Auxílio Brasil podem fazer empréstimo na Caixa?

A CredFácil é Confiável? Confira

Empréstimo consignado empresa privada: entenda como funciona