Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Não Cumprir Aviso Prévio Desconta Quanto do Acerto?

Por Camila SilveiraPublicado em

Se você pretende sair do seu atual emprego, saiba que é necessário comunicar a empresa com, no mínimo, 30 dias de antecedência para garantir a segurança de ambas as partes. Esse prazo tem o objetivo de ajudar todos os envolvidos no processo de demissão e é o que denominamos de aviso prévio. Mas, o que acontece se você faltar no aviso prévio? Saiba mais neste artigo.

Quer solicitar o desligamento no seu trabalho, mas não sabe se vai receber o FGTS? Saiba que existem 4 formas de sacar seu benefício sem precisar ser demitido.

O que acontece se faltar durante o aviso prévio?

No caso do aviso prévio trabalhado, o funcionário pode escolher entre trabalhar duas horas a menos por dia ou não ir nos últimos sete dias do prazo. Portanto, nessa situação, há a possibilidade de faltar durante o aviso, caso contrário, o trabalhador não poderá deixar de cumprir com a obrigação.

Entenda que, durante o período de aviso, as obrigações permanecem. O empregador continua pagando o salário, concedendo intervalos e mantendo o ambiente de trabalho saudável. No caso do funcionário, ele continua prestando os serviços, cumprindo a jornada e respeitando todas as normas da empresa.

Homem desconfiado com a mão no queixo
Com o seu score calculado, você descobre o produto financeiro ideal para você!
Calcule o seu score de forma gratuita, rápida e segura e tenha acesso a centenas de cartões de crédito e outros produtos financeiros.
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

O profissional que faltar durante o aviso prévio, correrá o risco de sofrer descontos no salário, quando for o momento de receber a rescisão. Além disso, caso as faltas sejam excessivas, pode haver outras advertências, suspensão e até mesmo demissão por justa causa.

E aí, descomplicamos?

É importante tomar cuidado com esse fator para não provocar maiores problemas envolvendo o seu perfil profissional. Caso você não queira cumprir o aviso prévio após solicitar o desligamento da empresa, entre em contato com o seu empregador e tente negociar um acordo, para que nenhuma das partes sofram prejuízos.

Restou alguma dúvida? Deixe um comentário e até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Agência 3880 da Caixa: o que é, Onde Fica e Qual o Telefone?

Isenção de Imposto de Renda: Como Funciona?

Permuta: Significado, Exemplos e Como Fazer

Adesivo para Cartão de Crédito: Veja Como Funciona

Índices de Reajuste de Aluguel: IGP-M ou IPCA?

Barra de Ouro Vale Mais que Dinheiro? Veja Quanto Custa

Banco do Brasil: Como Emitir 2ª via da Fatura do Cartão?

Dataprev: Como Consultar Calendário do Auxílio Emergencial