Não tenho nome negativado e não consigo um cartão

Sempre procuramos mais praticidade no nosso dia a dia não é mesmo? Ter um cartão de crédito oferece comodidade e rapidez para as vidas mais corridas. Mas nem sempre é fácil conseguir um cartão, ainda mais com o nome negativado.

Quando você solicita um cartão de crédito, sabe como é feita a análise, para saber se você será aprovado? O banco aprova o cliente com base em alguns critérios, como o score de crédito.

Você sabe como funciona o score? Essa é uma ferramenta que mede a confiança no cliente, e informa se o seu perfil é de um bom pagador ou não. Você recebe uma espécie de nota, que varia de 0 a 1000.

Como já falamos em outro post, uma pontuação baixa pode complicar a solicitação de um cartão de crédito. Mas e quem não tem nome negativado e mesmo assim não consegue um cartão de crédito?

Histórico financeiro

não tenho nome negativado e não consigo um cartão de crédito

Isso pode depender de diferentes fatores. Mas o mais provável é que esteja ligado ao seu histórico. Vamos entender: Se você empresta dinheiro a um amigo e ele só te paga depois de um bom tempo, você voltaria a emprestar dinheiro a ele imediatamente, ou pensaria duas vezes?

É nessa linha que as instituições financeiras seguem. Se você alguma vez teve seu nome negativado, as empresas demoram um pouco para voltar a “confiar em você”.

Seu histórico conta muito. Além de ter seu nome negativado alguma vez, contas que não foram pagas em dia, também entram na “balança da confiança”. Seu perfil também é medido pelo score gerado por empresas de proteção ao crédito.

Essa ferramenta informa ao emissor do cartão qual a probabilidade de calote. Você pode consultar seu score de graça pelo Serasa ou SCPC Boa Vista. E aproveite para ler: como melhorar seu score.

Não tem nome negativado e não consegue um cartão? Se liga nessas dicas:

1 – Quando for solicitar um cartão, preste atenção na renda mínima. Fique atento aos critérios exigidos, não adianta pedir um cartão com renda maior que a sua;

2 – Dados corretos: sempre forneça seus dados com atenção, erros podem levar a desaprovação;

3 – Passe contas para seu nome. Água, internet, energia, ter contas em seu nome mostra aos credores que é capaz de pagar suas dívidas;

4 – Se você é cliente de algum banco, opte por seus cartões. O banco conhece o seu perfil de movimentação bancária e sabe de sua responsabilidade com as contas;

5 – Faça parte do cadastro positivo das empresas de proteção ao crédito. Participando deste cadastro, todos os pagamentos são registrados, o que ajuda a aumentar o seu score.

6 – Comece por um cartão Pré-Pago. Esse cartão não passa por consulta e pode te ajudar a melhorar sua rotatividade de crédito, aumentando a longo prazo suas chances de aprovação para cartões maiores.

Ou recorra ainda aos cartões de crédito de lojas, que costumam ter limites legais e aprovação mais fácil. Por pertencerem ao comércio, é mais propício que o cliente tenha o cartão do estabelecimento.

Nunca teve nome negativado?

Se além de nome sujo, você também nunca atrasou o pagamento, sugerimos que procure a sua agência bancária e converse com o gerente. Também se atente para não pedir o cartão errado.

Cada cartão é destinado a um público. Então fique atento quando solicitar um. Veja se a renda mínima não é igual ou superior a que você recebe. Quanto maior o limite, maior deve ser a renda comprovada.

Fique ligado aqui no blog. Sempre temos dicas bem legais para você! Se inscreva para não perder nenhuma novidade, e se tiver alguma dúvida ou sugestão, deixe nos comentários. Até a próxima!

Este conteúdo foi útil para voce? 1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 voto(s), média: 3,33)
Loading...