Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos

Golpe com QR Code no PIX: como se proteger?

Por Janaína TavaresPublicado em

O uso da tecnologia está cada dia mais presente em nossas vidas. Um exemplo disso é a possibilidade de fazer transações bancárias utilizando o QR Code pelo PIX, o novo sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central (BC).

No entanto, de acordo com um relatório feito pela Check Point, empresa especialista em cibersegurança, criminosos estão se aproveitando dessa tecnologia para aplicar golpes de phishing e infectar celulares dos usuários com malwares e vírus.

Para saber mais detalhes sobre esse assunto e aprender a como se proteger desse tipo de golpe, é só acompanhar a leitura do nosso artigo até o final.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Entenda o golpe envolvendo o QR Code no PIX

O QR Code nada mais é do que uma espécie de código de barras que permite pagamentos via celular.

Além disso, ele está se tornando uma ferramenta cada vez mais popular, visto que atualmente diversos estabelecimentos, como restaurantes e bares, o utilizam para que os clientes possam visualizar cardápios e, agora, efetuar pagamentos com o PIX.

No entanto, conforme as informações do relatório da Check Point, os cibercriminosos estão aplicando golpes ao substituir os códigos dos estabelecimentos. Dessa forma, eles conseguem modificar a URL aberta ao escanear o QR Code.

Com isso, o usuário pode ser redirecionada para uma página que não pertence ao estabelecimento comercial.

Ainda nessa situação, o código QR escaneado pela vítima pode fazer o download de um aplicativo com malware, infectando o celular do usuário e roubando os dados bancários.

Como se proteger contra golpes com QR Code do PIX?

Para ter mais segurança em suas transações financeiras utilizando o QR Code, separamos algumas dicas que podem ser úteis tanto para as empresas como para os clientes:

  • Com o QR Code Estático, confira sempre os dados do recebente;
  • Com o QR Code Dinâmico, confira os dados da operação bancária e o valor da compra;
  • Pergunte, antes de escanear o QR Code, ao funcionário do estabelecimento se o código disponibilizado foi substituído;
  • Sempre cheque a procedência do QR Code, ou seja, veja se você fez realmente alguma compra para ter recebido o código em seu celular;
  • Mantenha o software do celular atualizado;
  • Confira as prévias do QR Code antes de abrir o site do estabelecimento.

Perguntas frequentes sobre o PIX

O que é o PIX?

O PIX é o novo sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central. Mais um meio de pagamento que pode ser usado por Pessoas Físicas e Jurídicas. O diferencial é que com essa opção, o usuário tem mais praticidade e rapidez para fazer suas transações bancárias.

O que é a chave PIX?

A chave PIX é uma forma de identificação do usuário, ou seja, uma espécie de apelido para sua conta. Ela pode ser uma chave aleatória, e-mail, CPF ou CNPJ e número de telefone.

É obrigatório utilizar o PIX?

Você não é obrigado a usar o PIX. Portanto, se preferir, pode continuar utilizando os meios de pagamentos mais tradicionais, como é o caso da TED, DOC e boleto.

Qual a diferença entre QR Code Estático e QR Code Dinâmico no PIX?

O código gerado pelo Estático pode ser usado permanentemente, ou seja, não há a necessidade de criar outro. Já no Dinâmico, é preciso gerar um novo código a cada transação bancária que você fizer.

Conteúdos que você precisa conhecer

Fique com a gente e aproveite esse momento para ler outros artigos que podem ser interessantes para você:

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado você com o nosso conteúdo. Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe seu comentário para que possamos responder. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Janaína Tavares

Jornalista e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, a Janaína (ou Jana). Como redatora, ama os conteúdos sobre dicas financeiras. Preza pela checagem de todas as informações e o conteúdo perfeito para ela, é aquele que ajuda o leitor a resolver um problema, ensinando e orientando o leitor a tomar a melhor decisão.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

BC vai liberar estorno de dinheiro pelo Pix em caso de fraudes ou falhas

O PIX pode parar? Entenda o que está acontecendo

Pix terá novas funções liberadas em breve: saiba mais

Pix: bancos cobram taxa de até R$ 10 por transferência

Contatos de celular poderão ser integrados ao Pix: saiba mais

Será o fim do cartão físico com a chegada do Pix e Open Banking?

Conheça os 11 estados que poderão pagar a conta de energia pelo Pix

É possível ter Pix em mais de um banco? Descubra agora