Ir para o conteúdo principal
Foregon.com

Negativados terão mais chances de aprovação de crédito com o Open Banking

Por Thais SouzaPublicado em

Atualmente, quem está negativado é visto como mau pagador, tendo acesso restrito a crédito no mercado. No entanto, esta realidade pode mudar com a implementação do Open Banking, que tende a flexibilizar a situação dos inadimplentes. Entenda.

O que você procura?

O que é Open Banking?

O Open Banking é um sistema lançado pelo Banco Central que permite o compartilhamento de dados bancários dos consumidores entre as instituições financeiras. O compartilhamento dessas informações é controlado pelo próprio consumidor.

Ou seja, as informações do cliente não ficam "presas" em um só banco. Com outros bancos tendo acesso, eles podem oferecer condições mais atrativas, aumentando a competitividade e beneficiando o consumidor.

Open Banking: negativados terão mais chances de conseguir crédito

Com a implementação do sistema, os brasileiros que estão com o nome sujo terão mais chances de conseguir crédito no mercado.

Basicamente, isso vai acontecer porque os birôs de crédito, como SPC ou Serasa, não fazem parte das instituições participantes do Open Banking, ou seja, as dívidas negativadas não integram a lista de informações que podem ser compartilhadas no sistema.

Mulher sorrindo
Ei, seu score tem algo a dizer!
Desbloqueie seu score e veja as melhores ofertas de crédito para seu perfil de gastos. Rápido, fácil e grátis!
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

De acordo com o head de Open Banking da Serasa Experian, um dos principais bancos de dados de restrição ao crédito no Brasil, "Só podem participar do open banking as instituições reguladas pelo Banco Central. Os birôs não são instituições financeiras, nem instituições de pagamento, por isso estão fora desse novo sistema", explicou Leonardo Enrique para o portal G1.

Vale ressaltar que nada muda em relação ao funcionamento dos birôs. Os bancos continuarão consultando esses sistemas durante a análise de crédito para decidir se aprovam ou não a solicitação de crédito do consumidor.

O que muda é que a transparência das informações do Open Banking permitirá que as instituições financeiras façam uma análise mais profunda da capacidade de pagamento de quem está solicitando crédito no mercado, ampliando suas chances de aprovação, mesmo estando negativado.

Leia também

Quer saber mais sobre o Open Banking? Então confira 7 perguntas e respostas sobre o sistema. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Thais Souza

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos relacionados a investimentos e empréstimos e acredita que esse tipo de conhecimento pode mudar a vida das pessoas. Busca impactar a vida dos usuários que buscam resolver um problema ou conhecer melhor um produto ou serviço financeiro.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Vantagens e Desvantagens de Investir em Franquias em 2023

Gestão empresarial: como o controle de ponto digital pode te ajudar

Quem tem carteira assinada e é MEI pode receber seguro-desemprego?

Como ganhar dinheiro com Tiktok: missões, amigos e muito mais!

Como Economizar na Saúde: Dicas para Cuidar do Corpo e do Bolso

9 Melhores Dicas de como Aumentar o Score de Crédito

Finanças para Crianças e Adolescentes: veja dicas e vantagens

O Que É Convênio Médico? Veja os Benefícios e Funcionamento