Ir para o conteúdo principal
Foregon.com

Golpe Banco Safra: Fraude de Empréstimo via WhatsApp

Escrito por 

Atualizado em 

Qualidade editorial: Nosso conteúdo é construído por uma equipe profissional que coloca a dúvida do leitor no centro da sua escrita. Cada autor traz o seu conhecimento para responder e solucionar sua busca, entregando valor por meio da verificação de dados, aprofundamento da pesquisa e reputação do nosso site.

Segurança e privacidade: Somos responsáveis por manter seus dados protegidos quando você acessa nosso site. Trabalhamos com total transparência e respeito ao seu consentimento, colocando você no controle de seus dados. Conheça nossa política de privacidade.

Microempreendedores individuais (MEIs) relataram ter recebido propostas de crédito pré-aprovados no Banco Safra com taxas de juros atrativas mediante depósito de um valor antecipado. Com tantos golpes virtuais, muitos questionaram: será que o Banco Safra faz empréstimo pelo WhatsApp? Já adiantamos que a resposta é não, inclusive na página oficial a instituição financeira orienta para tomar cuidado com ofertas em diferentes canais.

Para entender mais e evitar cair nesse golpe, continue a leitura do artigo!

O que você procura?

Banco Safra faz empréstimo pelo WhatsApp: entenda o novo golpe

Golpistas estão se passando pelo Banco Safra para aplicar golpes em diversas vítimas. Eles entram em contato via WhatsApp com microempreendedores individuais afirmando que a vítima possui crédito pré-aprovado no Banco Safra, basta realizar um depósito com valor antecipado ou pagar algum serviço para que o valor seja liberado.

Depois, é solicitado que a vítima envie uma documentação, entre ela é requisitado a Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos (Decore), quando a vítima afirma que não possui o documento em mãos o golpista indica uma empresa de contabilidade responsável por prestar esse serviço.

Por fim, o cliente paga o valor do documento para a suposta empresa de contabilidade e repassa as informações ao golpista que está se passando por um atendente do Banco Safra, depois o golpista avisa que os valores do empréstimo serão depositados em poucas horas, o que não acontece.

Alerta feito pelo Banco Safra

Como citamos no início do artigo, é válido ressaltar que o Banco Safra não realiza empréstimos pelo WhatsApp, visto que muitos empreendedores no país acabaram prejudicados com o novo golpe.

Além disso, qualquer oferta que promete uma taxa de juros absurdamente mais atrativa do que as oferecidas pelo mercado merece atenção e nenhuma instituição financeira solicita depósito de valores antecipado para liberação de empréstimos, pois esse tipo de pedido é considerado crime.

Como não cair em golpes financeiros?

Mantenha seu CPF Protegido

Ao realizar a consulta de score de crédito na Foregon você é cadastrado automaticamente no CPF Protegido, uma ferramenta que desenvolvemos para te avisar quando alguém estiver acessando o seu nome ou se passando por você. Fique protegido agora mesmo, é gratuito:

Mantenha o seu CPF protegido e evite fraudes

Monitore seu CPF e proteja seu nome contra fraudes.

PROTEGER CPF GRÁTIS
⭐⭐⭐⭐⭐ + 2.848.551 pessoas já consultaram

Fique atento a outros golpes

Infelizmente, com o avanço do campo digital dentro do mercado financeiro, as formas como os golpistas atuam se sofisticaram. Esse é o caso da fraude sofrida pelo Banco Pan, na qual fraudadores se passam por profissionais da instituição financeira.

As pessoas também perguntam

Qual o número de WhatsApp do Banco Safra?

O número de WhatsApp oficial do Banco Safra é 11 2650 9999. Ele está disponível de segunda a sexta-feira das 8h às 19h, exceto feriados.

Qual banco realmente faz empréstimos pelo WhatsApp?

No momento, o Banco do Brasil é um dos únicos bancos que realmente permite a contratação de crédito pessoal pelo WhatsApp.

Banco Safra faz empréstimo pelo WhatsApp?

Não. Por isso, se você receber alguma oferta de empréstimo do Banco Safra por ligação, e-mail ou WhatsApp fique atento e não caia no golpe.

Banco Safra é confiável?

Sim, o Banco Safra é confiável. Inclusive no ReclameAqui 59.3% daqueles que reclamaram voltariam a fazer negócio.

Compartilhe

Escrito por:

Sabrina Vansella
Redatora

Jornalista e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon desde 2021, através da escrita busca melhorar a qualidade de vida das pessoas.