Ir para o conteúdo principal
Foregon.com

Golpe do Pix Agendado: 3 Dicas para se Proteger

Por Victor BrisolaPublicado em

Qualidade editorial: Nosso conteúdo é construído por uma equipe profissional que coloca a dúvida do leitor no centro da sua escrita. Cada autor traz o seu conhecimento para responder e solucionar sua busca, entregando valor por meio da verificação de dados, aprofundamento da pesquisa e reputação do nosso site.

Segurança e privacidade: Somos responsáveis por manter seus dados protegidos quando você acessa nosso site. Trabalhamos com total transparência e respeito ao seu consentimento, colocando você no controle de seus dados. Conheça nossa política de privacidade.

O Pix transformou a maneira como nós, brasileiros, lidamos com o dinheiro.

Só em setembro de 2023, o pix bateu recorde de uso no Brasil com 152,7 milhões de transações em um único dia.

A possibilidade de fazer transferências instantâneas, a qualquer hora do dia ou da noite, todos os dias da semana, nos trouxe uma liberdade sem precedentes. Nem parece que há algum tempo ainda usávamos TED e DOC, não é mesmo?

Mas como toda grande mudança, especialmente no universo digital, novos desafios surgem, trazendo riscos que precisamos superar. Um em particular chama a atenção: o "Golpe do Pix Agendado".

Estelionatários estão à espreita, buscando brechas na confiança que depositamos nesse novo sistema, para realizar suas fraudes.

Mas não se preocupe! Estamos aqui para proteger você e suas finanças. Neste artigo, vamos mergulhar no Golpe do Pix Agendado, explicando como ele funciona e, mais importante, compartilhando dicas preciosas para que você não caia nessas armadilhas.

Vamos fortalecer sua segurança e garantir que sua experiência com o Pix continue sendo positiva e, acima de tudo, segura. Vamos nessa?

O que você procura?

É possível agendar um pix?

Sim, o Pix pode ser agendado. Isso significa que você pode planejar com antecedência seus pagamentos e transferências, marcando uma data futura para serem realizados automaticamente. Bem bom, não é?

Imagina a praticidade de não ter que se preocupar em fazer uma transferência em um dia específico porque você já deixou tudo programado.

Essa opção está disponível nos aplicativos dos bancos e outras instituições financeiras que oferecem o Pix.

Como funciona o Golpe do Pix Agendado?

Golpistas têm se aproveitado da confiança e desatenção dos vendedores, criando uma armadilha bem simples, mas eficaz.

Eles simulam uma transferência via Pix, enviando aos vendedores um comprovante de agendamento que, na verdade, nunca será concluído. Após usufruir do produto ou serviço, esses criminosos simplesmente cancelam o pagamento agendado.

E o mais astuto é que muitas vezes esses comprovantes são editados para ocultar detalhes, como a data e hora do pagamento efetivo, tornando o golpe ainda mais difícil de ser percebido a tempo.

A desatenção do recebedor se torna a maior aliada dos golpistas, que contam com o fato de muitos não verificarem imediatamente a confirmação da transferência em suas contas.

Verificar sempre a efetivação do pagamento antes de liberar produtos ou serviços é um passo simples, mas crucial, para proteger não apenas seu patrimônio, mas também sua paz de espírito.

3 dicas para não cair no Golpe do Pix Agendado

Saber é poder, e, neste caso, o conhecimento é a sua armadura. Vamos reforçar sua vigilância e aguçar o senso crítico para não deixar nenhuma brecha aberta.

1. Sempre confira sua conta

Pode parecer básico, mas é a regra de ouro: sempre confira se o pagamento realmente caiu na sua conta.

Antes de qualquer coisa, antes mesmo de entregar o produto ou prestar o serviço, dê uma olhada no extrato bancário pelo app do seu banco. Isso garante que o valor combinado realmente esteja lá, seguro e garantido.

Fique de olho também nos depósitos que aparecem como "lançamento futuro". Essa pode ser uma bandeira vermelha de que algo não está certo.

2. Olho vivo nos comprovantes

Os comprovantes de transferência são um prato cheio para os golpistas, que os manipulam para ocultar informações. Então, quando receber um, verifique:

  • O nome do remetente está correto?
  • O seu nome ou o da sua empresa aparece como deveria?
  • O valor está de acordo com o combinado?
  • O documento mostra uma transferência concluída, e não apenas um agendamento?
  • A data e o horário batem com o momento atual?

Se você é um empreendedor, então, especialmente em épocas de grande movimento, como na Black Friday, reserve um tempo para examinar cada comprovante.

Os detalhes fazem toda a diferença, então observe a tipografia, possíveis erros gramaticais ou de digitação — sinais que podem indicar uma fraude.

3. Não esqueça do ID da transação

Todo Pix vem com um "ID da Transação", um código único começando com uma letra "E" seguido de 32 caracteres.

Esse número é um aliado na sua segurança, uma camada extra de proteção para suas transações. Em último caso, você pode entrar em contato com seu banco para rastrear o pagamento via pix por meio da ID de transação.

Atenção ao Golpe do QR Code!

Uma outra modalidade igualmente perigosa ao golpe do pix, e que vem ganhando repercussão, envolve o uso do recurso de código QR ("quick response", ou resposta rápida, em tradução livre).

Nele, os criminosos adulteram o QR Code original de um estabelecimento por outro, que pode tanto redirecionar o usuário para um link malicioso, como também levar a um pagamento para uma conta ilegítima, que será difícil reverter posteriormente.

Para evitar ser vítima do Golpe do QR Code, siga as dicas a seguir:

  • Confira com atenção os dados de quem deve receber o pagamento antes de concluir a transação;
  • Caso seja direcionado para um site, antes de compartilhar qualquer informação pessoal, busque se certificar de que o link acessado é confiável. Isso porque empresas legítimas geralmente não solicitam esses dados através de códigos QR sem aviso prévio ou contexto específico;
  • Aplicativos de leitura de QR Code nativos do smartphone possuem mecanismos adicionais de segurança. Portanto, sempre priorize escanear os códigos através desses Apps;
  • Caso desconfie do golpe, é muito importante comunicar a empresa que disponibilizou o código e, se possível, reportar às autoridades competentes para que medidas possam ser tomadas.

Ative sua proteção antifraude

Você viu que a segurança dos seus dados é mais do que uma necessidade; é uma prioridade.

Obstáculos, como o Golpe do Pix Agendado, nos lembram da importância de práticas seguras em nossas transações financeiras. Este alerta é um convite para que você esteja sempre atento, verificando cada movimentação em suas contas.

Da mesma forma, os golpistas não param por aí. Eles estão sempre buscando novas maneiras de nos surpreender, como os indesejados SMS pedindo pagamentos de pendências que, na verdade, nem existem.

É nesse cenário que entender a situação cadastral do nosso nome e saber como regularizar nosso CPF se torna essencial. Afinal, estar informado é o primeiro passo para estar protegido.

É aqui que o serviço Foregon Premium entra em cena, como um verdadeiro aliado na proteção do seu nome. Imagine ter alguém que vigia constantemente o seu CPF, alertando-o sobre qualquer atividade suspeita ou irregularidade.

É uma camada de segurança adicional, um escudo contra aqueles que tentam se aproveitar das suas informações para cometer atos fraudulentos.

Proteja seu CPF contra fraudes!

Monitore seu CPF e proteja seu nome contra fraudes.

Proteger meu nome
⭐⭐⭐⭐⭐ + 2.848.551 pessoas já consultaram

Perguntas Frequentes

Como não cair no Golpe do Pix Agendado?

Para evitar cair no Golpe do Pix Agendado, sempre verifique se o pagamento foi realmente creditado em sua conta bancária. Desconfie de comprovantes e cheque a autenticidade dos mesmos, especialmente o ID da Transação. Mantenha vigilância, especialmente durante os períodos de alta venda.

Quando o Pix é agendado aparece no comprovante?

Sim, o comprovante de um Pix agendado indica claramente que a transferência está programada para uma data futura, diferenciando-se de um Pix instantâneo.

Quais são os golpes de Pix?

Os golpes de Pix incluem o envio de comprovantes falsos, solicitação de transferências sob pretextos enganosos, e o Golpe do Pix Agendado, onde os pagamentos são cancelados antes da conclusão.

Como saber se o Pix agendado vai cair na conta?

Para confirmar se um Pix agendado será efetivado, verifique o extrato da sua conta no dia agendado para a transferência ou utilize as notificações do seu banco para receber atualizações sobre transações.

Compartilhe

Escrito por:

Victor Brisola
Redator SEO

Redator especializado em proteção de dados e score de crédito, formado em Jornalismo pela Escola Superior de Administração, Marketing e Comunicação de Sorocaba. Ele é responsável pela produção e refinamento dos conteúdos da Foregon.