Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta
Tarifas, taxas e pacotes de serviços do Banco Digio logo

Tarifas, taxas e pacotes de serviços do Banco Digio

8.2/10 no ReclameAqui

Assim como as instituições financeiras tradicionais, os bancos digitais também cobram pela manutenção dos serviços prestados. Confira quais são os valores atualizados das tarifas e taxas praticadas pelo banco Digio

O que você procura?

Tarifas e taxas Digio 

digioConta

  • Abertura de conta/Taxa de cadastro: zero;
  • Manutenção mensal de conta: zero;
  • Geração de boleto para depósito: zero;
  • Pagamento de contas com saldo da digioConta: zero; 
  • Consulta extrato via app: zero;
  • Pagamentos via Pix para qualquer instituição: zero;
  • Transferência entre contas Digio: zero;
  • Transferência (TED) via App para outros bancos: até R$ 5;
  • Saque digital (sem cartão): R$ 6,90.
Serviços Valores  Quantidades
Transferências para outros bancos Max. de R$ 20 mil por transferência Max. diária 10 / Max. mensal 99
Transferências entre contas Digio Max. de R$ 20 mil por transferência Max. diária 10 / Max.
Geração de boletos para depósito Min. de R$ 20 por boleto / Max. de R$ 3 mil por boleto Max. diária 5 / Max. mensal 10
Saque digital  Min. de R$ 20 por saque / Max. de R$ 900 por saque Max. diária 2 / Max. mensal 15
Pagamento de contas com a digioConta
Max. diária 5 contas / Max. mensal 10 contas

Cartão de crédito Digio

Tarifas

  • Anuidade: zero;
  • Reemissão de cartão físico: Até R$ 9,90*;
  • Parcelamento de fatura: zero;
  • Saque internacional: zero.

Taxas

  • Parcelamento de fatura: Até 9,90% a.m;
  • digioCash: 9,90% a.m;
  • Saque internacional: 7,90% a.m;
  • Parcelado emissor: 3,99% a.m;
  • Juros remuneratórios por dias de atraso: 10,99% a.m.

Serviços

  • Tarifa de Avaliação Emergencial (Overlimit): R$ 6,50;
  • Conversão de Moeda (transações internacionais): dólar PTAX + 4%;
  • Taxa de Refinanciamento: 9,90% a.m;
  • Taxa de Renegociação: 7,90% a.m.

Empréstimo

Taxas

  • Empréstimo Pessoal: de 2% a 13,99% a.m. / de 29,84% a 381,28% a.a.
  • Empréstimo Consignado INSS: de 1,61% a 1,80% a.m. / de 21,13% a 23,87% a.a.

CET

  • Empréstimo Pessoal: de 2,40% a 14,34% a.m. / de 32,92% a 399,32% a.a.
  • Empréstimo Consignado INSS: de 1,71% a 1,91% a.m. / de 22,97% a 25,87% a.a.

Empréstimo pessoal

  • Valor do empréstimo mínimo: R$ 1 mil;
  • TC (Tarifa de Cadastro): valor mínimo R$ 24,99 – valor máximo R$ 150.

Custo tributário

  • IOF (Imposto Sobre Operações Financeiras): 0,0082% ao dia, limitado a 3% ao ano + 0,38% de alíquota adicional.

IbiCard/IbiCred

Taxas

  • Rotativo: 15,50% a.m. – 463,62% a.a.
  • Saque à vista: 15,50% a.m. – 463,62% a.a.
  • Saque parcelado: 13,50% a.m. – 357,04% a.a.
  • Compras parceladas: 7,99% a.m. – 151,54% a.a.
  • Atraso: 13,50% a.m. – 357,04% a.a.
  • Fatura parcelada: 13,50% a.m. – 357,04% a.a.
  • Parcelado fácil: 13,50% a.m. – 357,04% a.a.

CET

  • Rotativo: 16,47% a.m. – 523,16% a.a.
  • Saque à vista: 16,47% a.m. – 523,16% a.a.
  • Saque parcelado: 14,05% a.m. – 384,09% a.a.
  • Compras parceladas: 8,33% a.m. – 161,21% a.a.
  • Atraso: 18,92% a.m. – 700,33% a.a.
  • Fatura parcelada: 15,06% a.m. – 438,42% a.a.
  • Parcelado fácil: 15,06% a.m. – 438,42% a.a.

Anuidade Titular

  • Cartão de Crédito Nacional Básico: 12x de R$11,99;
  • Cartão de Crédito Internacional: 12x de R$13,99;
  • Cartão de Crédito Gold: 12x de R$18,99.

Anuidade Adicional

  • Cartão de Crédito Nacional Básico: 50% do valor da anuidade do titular no 1º ano;
  • Cartão de Crédito Internacional: 50% do valor da anuidade do titular no 1º ano; 
  • Cartão de Crédito Gold: 50% do valor da anuidade do titular no 1º ano.

Serviços

  • Retirada país: R$ 9,90 por saque;
  • Retirada exterior: R$16 por saque;
  • Avaliação emergencial de crédito: R$18,90 / 2ª via R$11,90.
Serviços Tarifa Taxas  CET
Pagamento de Contas R$ 6,90 4,99% a.m. / 79,38% a.a. 5,54% a.m. / 90,93% a.a.

Seguros, Assistências, Capitalização e Planos Odontológicos

  • Acidentes Pessoais R$ 12,10;
  • Capitalização mais: de R$ 20 a R$ 300;
  • Perda e Roubo: R$ 2;
  • Plano Odonto Safira: R$ 49,90 (titular) e R$49,90 (dependente);
  • Plano Odonto Rubi: R$ 35,90 (titular) e R$ 35,90 (dependente);
  • Proteção Total: R$ 3,99;
  • Proteção Total + Proteção Financeira: R$ 5,98;
  • Proteção Total Farmácia: R$ 4,99;
  • Proteção Total Farmácia + Proteção Financeira: R$ 6,98;
  • Renda Hospitalar: R$ 12,10;
  • Residencial Assistências: R$ 12,78;
  • Residencial Roubo: R$ 9,94;
  • Vida Mulher: de R$9,94 a R$21,98;
  • Vida Premiado: R$ 9,94.

Perguntas frequentes (FAQ)

O que são encargos no Digio?

Os encargos são cobrados em cima de todas as operações financeiras, como: pagamento de faturas com atraso, pagamento em valor inferior ao total da fatura, entre outros.

Quando meu dinheiro rende no Digio?

Todo valor transferido ou depositado na sua DigioConta rende 100% do CDI.

O que é multa contratual no Digio?

A multa contratual surge quando não é feito o pagamento total ou existe atraso no contrato de qualquer produto disponibilizado pelo Digio. A cobrança equivale ao valor e dias em atraso.

Quanto custa um saque no Digio?

O valor da tarifa para cada saque é de R$ 6,90.

É seguro guardar dinheiro no Digio?

É sim. Assim como outros bancos digitais, o Digio é considerado seguro, já que o mesmo possui a empresa Visa como bandeira utilizada.

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Nara Lima

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, gosta de escrever sobre educação financeira. Preza pela facilidade da leitura e pela checagem das informações, buscando produzir um conteúdo de leitura simplificada e que sane as dúvidas do leitor.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Consolidação de dívidas: conheça e veja como unificar suas pendências

Empréstimos Caixa: conheça todas as modalidades

Empréstimos Itaú: conheça todas as modalidades

Como renegociar dívidas com a Caixa

Como renegociar dívidas com o Nubank

Como renegociar dívidas com o banco Itaú

Como renegociar dívidas com o Banco do Brasil

Dívida atrasada de cinco anos: o que fazer?