Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

O seu score baixou? Veja porque e como aumentá-lo

Por Camila SilveiraPublicado em

O seu score baixou de repente e você não sabe porque? Confira agora mesmo os principais motivos que podem ter feito a sua pontuação de crédito cair e aprenda como aumentá-la em poucos passos!

O que é score de crédito?

O score de crédito é uma pontuação que vai de 0 a 1.000, calculada com base nos seus hábitos de consumo, e que indica se você é um bom pagador. Em outras palavras, ele mostra se você tem poucas, médias ou grandes chances de atrasar um pagamento de acordo com o seu histórico de consumo.

No momento em que você solicita crédito, as empresas e instituições financeiras utilizam essa pontuação para saber se podem concedê-lo para você. Isso envolve o cartão de crédito, o empréstimo e o financiamento.

Apesar disso, é importante lembrar que cada empresa utiliza seus critérios para decidir se vai aprovar ou não o crédito para você. Dependendo do produto financeiro e da instituição, o crédito pode ser aprovado mesmo que você esteja com o score baixo.

Faixas de score de crédito

Além de ser importante saber qual é a sua pontuação, é fundamental conhecer os níveis (baixo, médio e alto) desse indicador. Só que antes disso, consulte agora mesmo o seu score na Foregon para saber em qual faixa você está. É grátis!

Homem desconfiado com a mão no queixo

Com o seu score calculado, você descobre o produto financeiro ideal para você!

Calcule o seu score de forma gratuita, rápida e segura e tenha acesso a centenas de cartões de crédito e outros produtos financeiros.
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

Entre 0 e 300: score baixo

Se você tem score entre 0 e 300, saiba que está com a pontuação baixa, ou seja, muito provavelmente o seu pedido de crédito será negado. Isso porque as pessoas com score baixo são vistas de forma negativa pelo mercado, já que apresentam riscos de inadimplência.

Entre 301 e 500: score regular

A pontuação entre 301 e 500 é considerada regular, ou seja, você ainda não oferece tanta segurança para os bancos em relação ao pagamento das parcelas e faturas, mas está na média, podendo conseguir aprovação em alguns produtos e serviços financeiros.

Entre 501 e 700: score bom

Agora, se você tem a pontuação entre 501 e 700 significa que você é visto como um bom pagador pelos bancos, instituições financeiras e empresas no geral. Como resultado, as suas chances de ser aprovado em uma análise de crédito são grandes.

Entre 701 e 1.000: score muito bom

Por fim, o score entre 701 e 1.000 é considerado muito bom. Quem tem essa pontuação consegue aprovação em diversos produtos e serviços financeiros, bem como taxas de juros e melhores condições de pagamento.

O seu score de crédito baixou? Veja os principais motivos

1. Contas atrasadas

Dentre os motivos que podem ter feito o seu score abaixar estão as contas atrasadas. Às vezes, basta um ou dois dias de atraso para que essa situação seja informada aos órgãos de proteção ao crédito, como o Serasa e o Boa Vista, que cuidam do seu score.

2. Crédito solicitado recentemente

Se você solicitou crédito recentemente e foi aprovado, muito provavelmente o seu score dará uma oscilada, já que o mercado ainda está vendo como você lidará com essa opção de crédito disponível.

Além disso, vale lembrar que as parcelas do financiamento ou do empréstimo diminuem a sua renda, já que parte do valor dela estará destinada para os pagamentos mensais. Sendo assim, é natural que o seu score baixe, já que você passa a apresentar mais riscos de inadimplência para o mercado.

3. Consulta de crédito em diversos bancos

Se você consultou diversas opções de crédito em pouco tempo e não foi aprovado em nenhuma, o seu score de crédito também pode abaixar. Isso acontece porque o mercado entende que você não tem condições para arcar com esses compromissos, fazendo com que a sua pontuação diminua.

Apesar disso, você pode ficar tranquilo, pois essa mudança normalmente é passageira. Além do mais, essa queda só acontece quando as consultas de crédito são feitas com o banco ou financeira. Sua pontuação não será afetada caso você consulte o seu score nos sites de birô de crédito.

4. Perda de renda

Por fim, se a sua renda mensal diminuiu, seja porque recebeu um corte no salário, ou porque foi demitido, é natural que o seu score baixe. A renda é um dos principais fatores que refletem no seu histórico de pagamentos e, como consequência, na pontuação de crédito.

Como aumentar o score?

1. Limpe as consultas do seu CPF

Para limpar as consultas do seu CPF é simples, basta entrar em contato com o Serasa e Boa Vista pelo telefone e solicitar a limpeza. Confira os números.

  • Serasa: 3003 6300
  • Boa Vista: 3003 0101

Ao solicitar essa limpeza, a sua consulta deverá ser removida em até três dias. Para ter certeza que o procedimento foi realizado, acompanhe todas as informações nos sites das empresas de crédito.

2. Transfira contas para o seu nome

Ao transferir para o seu nome contas básicas, como água, luz e gás, e fazer o pagamento dentro do prazo, o seu score de crédito pode aumentar.

Afinal, o pagamento dessas contas mostra ao mercado que você honra com os seus compromissos e apresenta menos riscos de inadimplência, o que faz a sua pontuação subir.

Só não se esqueça: caso você atrase os pagamentos, essa ação poderá impactar diretamente o seu score, combinado?

3. Passe a usar o débito automático

Você também pode utilizar o débito automático em suas contas para pagá-las sempre dentro do prazo, no entanto, garanta que haja dinheiro no dia do pagamento para evitar o uso do cheque especial.

Se você não conseguir cadastrar as suas contas em débito automático, prefira pagá-las pelo aplicativo do seu banco ou pelo Internet Banking, em vez de lotéricas ou bocas de caixas. Isso manterá o seu registro positivo na instituição.

4. Crie um histórico de pagamento

Além das contas básicas, coloque o seu nome em contas secundárias, como a de internet, telefone, televisão, entre outras. Ter esse hábito pode fazer a sua pontuação aumentar, e muito.

5. Tenha conta em mais de um banco

Ter contas em outros bancos é essencial, pois as instituições bancárias podem transmitir informações positivas sobre você para as empresas de crédito, como o Serasa e Boa Vista. Mas não se esqueça: só considere essa alternativa válida se você pagar todas as suas contas em dia, ok?

6. Movimente dinheiro entre as contas

Assim que você fizer a abertura das contas, busque realizar movimentações entre os bancos e mostre para eles que o seu dinheiro está fluindo. Ao seguir todas essas orientações, você passará a ter um melhor relacionamento com as instituições bancárias e poderá seguir para a próxima etapa.

7. Declare Imposto de Renda

Apesar desse procedimento ser um tanto quanto trabalhoso, é mais que importante estar em dia com o governo e fortalecer esse comprovante de renda para que as empresas de crédito saibam que você é um bom pagador. Isso com certeza ajudará a aumentar a sua pontuação.

8. Use o seu Cadastro Positivo

Por fim, use o seu Cadastro Positivo, pois isso poderá ajudar você a conquistar um score de crédito mais alto. Afinal, você estará concedendo mais informações sobre sua vida financeira às empresas e, por isso, a sua pontuação poderá subir significativamente.

Descomplicamos?

No Portal da Foregon, você consegue consultar o seu score de crédito e ainda receber as melhores ofertas de cartão, conta digital e empréstimo, de acordo com o seu perfil. Consulte agora mesmo e aproveite!

Consulte seu CPF grátis e receba as melhores ofertas!

Mais de 300 opções entre cartões de crédito, contas e empréstimos.

Consultar CPF grátis
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

O que é portabilidade? Conheça todas as modalidades

Emissão cartão CNPJ: entenda o que é e como fazer

Saiba como gerar boleto bancário: para depósito em conta e empresas

Conta inativa do FGTS: o que é, como consultar e sacar?

Bradesco: renegociação de dívidas, como fazer?

Portabilidade de salário: tudo o que você precisa saber

O que é INSS? Guia completo sobre o Instituto Nacional do Seguro Social

App Itaucard: como baixar o aplicativo do banco no seu celular