Ir para o conteúdo principal
Foregon.com

Como me Proteger Contra o Golpe das Criptomoedas?

Escrito por 

Atualizado em 

Qualidade editorial: Nosso conteúdo é construído por uma equipe profissional que coloca a dúvida do leitor no centro da sua escrita. Cada autor traz o seu conhecimento para responder e solucionar sua busca, entregando valor por meio da verificação de dados, aprofundamento da pesquisa e reputação do nosso site.

Segurança e privacidade: Somos responsáveis por manter seus dados protegidos quando você acessa nosso site. Trabalhamos com total transparência e respeito ao seu consentimento, colocando você no controle de seus dados. Conheça nossa política de privacidade.

Você já pensou em investir em criptomoedas? Pode parecer uma opção atraente e moderna, mas também carrega riscos significativos, principalmente de golpes com criptomoedas.. 

Neste artigo, vamos explorar as fraudes mais comuns no mundo no mundo das moedas digitais e oferecer dicas práticas para você não cair em armadilhas.

O que você procura?

Como se proteger de golpes com criptomoedas?

1. Cuidado com sites falsos

Golpistas criam sites que imitam plataformas legítimas de criptomoedas para enganar investidores.

O que fazer:

  • Verifique o URL: sempre confira se o endereço do site está correto. Sites falsos podem usar variações sutis nos URLs;
  • Procure o ícone de segurança: um cadeado ao lado do URL indica que a conexão é segura;
  • Digite o endereço você mesmo: evite clicar em links. Digite o endereço do site diretamente no navegador.

2. Aplicativos móveis fraudulentos

Aplicativos falsos nas lojas de apps podem parecer legítimos, mas são projetados para roubar seus dados.

O que fazer:

  • Verifique as avaliações: apps legítimos geralmente têm muitas avaliações de usuários; desconfie de apps com poucas ou apenas avaliações negativas;
  • Pesquise o desenvolvedor: verifique quem desenvolveu o app. Desenvolvedores reconhecidos são mais confiáveis;
  • Atenção aos detalhes do App: logotipos, ortografia e gramática ruins podem ser sinais de alerta.

3. Fraudes em redes sociais

Contas falsas de celebridades ou marcas famosas fazem ofertas irresistíveis que são golpes, bastante comuns no Instagram, por exemplo.

O que fazer:

  • Desconfie de promessas de ganhos rápidos: se parece bom demais para ser verdade, provavelmente não é;
  • Verifique a autenticidade das contas: procure por sinais de que a conta é verificada.

4. E-mails fraudulentos

E-mails que se passam por comunicações oficiais de empresas de criptomoedas podem ser tentativas de phishing.

O que fazer:

  • Cuidado com e-mails suspeitos: não clique em links em e-mails que não parecem legítimos;
  • Verifique o remetente: certifique-se de que o e-mail veio de uma fonte confiável.

5. ICOs falsas

Anúncios de Ofertas Iniciais de Moedas (ICOs) que não existem podem atrair investidores para golpes.

O que fazer:

  • Leitura crítica do whitepaper: documentos mal escritos ou pouco claros são um sinal vermelho;
  • Investigue a equipe do projeto: equipes com membros respeitáveis são menos prováveis de estar envolvidas em fraudes.

Dicas gerais de segurança em criptomoedas

1. Atualização de software

Manter os softwares atualizados é crucial porque os desenvolvedores frequentemente lançam atualizações que corrigem vulnerabilidades descobertas nos sistemas operacionais ou programas. Ignorar essas atualizações pode deixar portas abertas para malwares e hackers explorarem essas falhas.

2. Proteção de chaves privadas e senhas

Suas chaves privadas e senhas são como a chave do cofre de suas criptomoedas. Se alguém obtém acesso a elas, pode controlar seus ativos digitais. Nunca armazene suas senhas em locais online sem segurança adequada.

3. Autenticação de dois fatores (2FA)

A autenticação de dois fatores adiciona uma camada adicional de segurança ao processo de login, exigindo não apenas algo que você sabe (sua senha), mas também algo que você possui, como um dispositivo móvel que recebe um código temporário.

Monitore seus dados e evite golpes

Adotando essas práticas, você não só protege seus investimentos contra as ameaças mais comuns, mas também fortalece sua posição como um investidor informado e consciente.

Falando em proteção, que tal estar um passo à frente dos golpistas? Com o Foregon Premium, você acessa um serviço completo que monitora: 

Com nosso monitoramento constante, você está sempre um passo à frente e pode agir rapidamente ao menor sinal de atividade suspeita, protegendo seus dados e o seu bolso.  

Perguntas frequentes

O que é o golpe da pirâmide?

No golpe da pirâmide, participantes recrutam outras pessoas para o esquema, e os retornos prometidos são financiados pelos investimentos dos novos recrutas, em vez de lucros legítimos gerados por investimentos. O esquema entra em colapso quando não há pessoas suficientes para sustentar os retornos prometidos, deixando a maioria dos investidores com perdas significativas.

Como é o golpe da moeda?

O golpe da moeda geralmente envolve a promoção de uma criptomoeda falsa ou sem valor real com a promessa de retornos enormes. No entanto, uma vez que os investidores compram a moeda, o valor cai drasticamente ou a criptomoeda desaparece completamente, deixando os investidores com grandes perdas.

Quais criptomoedas podem estourar?

Prever quais criptomoedas podem "estourar" é extremamente difícil. Algumas pessoas podem fazer previsões com base em análises técnicas, fundamentais ou tendências de mercado, mas mesmo essas previsões têm um alto grau de incerteza.

Compartilhe

Escrito por:

Nara Lima
UX Writer

Formada em Publicidade e Propaganda pela UniFAI, a Nara trabalha com redação profissional desde 2019. Além disso, já trabalhou com atendimento ao público e fez pesquisas para o governo pelo IBGE, aprendizados que leva hoje para sua escrita focada na experiência do usuário da Foregon.